sicnot

Perfil

Mundo

Nove pessoas, entre as quais crianças, morrem num incêndio próximo de Dublin

Nove pessoas, entre as quais várias crianças, morreram hoje num incêndio junto a uma zona de caravanas e rulotes da comunidade viajante ('travellers'), no sul de Dublin, informou o diretor da polícia irlandesa Diarmuid O'Sullivan.

Peter Morrison

"O que posso dizer neste momento é que morreram nove pessoas e que algumas das vítimas são crianças", afirmou o responsável irlandês aos jornalistas, acrescentando que algumas destas crianças tinham apenas seis meses.

Vários membros de uma família "traveller" terão morrido no incêndio, uma informação que ainda não foi confirmada oficialmente.

Outras pessoas foram transportadas para o hospital devido à inalação de fumo.

As causas do incêndio, que deflagrou por volta das 03:00 GMT em Carrickmines, um subúrbio localizado a cerca de 16 quilómetros de Dublin, estão a ser investigadas.

O presidente irlandês Michael D Higgins classificou o incêndio como uma "terrível tragédia" e enviou condolências às famílias e amigos das vítimas.

Lusa

  • Passos começou a fazer oposição

    Bernardo Ferrão

    É inegável a habilidade política de António Costa mas no caso da TSU e do acordo de Concertação Social só cai quem quer. A verdade dos factos é que o primeiro-ministro fechou um acordo sabendo que não o podia cumprir. E agora tenta desviar-nos o olhar para o PSD, como se fosse ele o culpado, quando o problema está na geringonça. Antes de atacar Passos, Costa devia resolver os problemas em casa com o PCP e BE.

    Bernardo Ferrão

  • PSD está a "perder terreno" na escolha de candidato a Lisboa
    1:46

    País

    Quem o diz é Luís Marques Mendes: o PSD perde na demora da escolha de um candidato para a Câmara de Lisboa. O líder Passos Coelho rejeita apoiar a candidatura de Assunção Cristas e garante que o partido vai ter um candidato próprio. Segundo o comentador da SIC, o último convite foi dirigido a José Eduardo Moniz.

  • Trump não escreve todos os tweets, mas dita-os

    Mundo

    O Presidente eleito dos EUA não escreve todos os tweets que são publicados na sua conta desta rede social, mas dita-os aos seus funcionários. Numa entrevista a um ex-secretário de Estado britânico, Donald Trump explica como usa a sua conta e garante que depois de ser investido Presidente, vai continuar a usar o Twitter para defender-se da "imprensa desonesta".

  • Depressão pode ser mais prejudicial para o coração do que a hipertensão

    Mundo

    Um estudo recente estabelece uma nova ligação entre depressão e distúrbios cardíacos. De acordo com a investigação publicada na revista Atheroscleroses, o risco de vir a sofrer de uma doença cardíaca grave é quase tão elevado para os homens que sofram de depressão, do que para os que tenham colesterol elevado ou obesidade, e pode mesmo ser maior do que para os que sofram de hipertensão.