sicnot

Perfil

Mundo

Al-Qaeda na Síria chama islâmicos para combater o regime apoiado pela Rússia

A filial da Al-Qaeda na Síria apelou hoje às fações islâmicas e rebeldes para uma mobilização geral contra a ofensiva militar do regime sírio apoiado pela Rússia, segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

© Ammar Abdullah / Reuters

Num comunicado citado pela agência Efe, esta organização não governamental afirma que o dirigente da organização, Abdalá al Mehaisini, lançou uma convocatória numa mensagem de vídeo recebida pelo Observatório, com sede em Londres e com uma vasta rede ativistas no território sírio.

Na mensagem, o terrorista sírio pede que "ninguém permaneça sentado, porque estamos a preparar uma grande ação", e acrescenta: "Devemos mudar a situação [da luta contra o regime] e manter a iniciativa [dos extremistas] que os infiéis [o regime e a Rússia] querem lançar contra os combatentes".

A Rússia, uma aliada do regime de Damasco, começou a sua campanha de bombardeamentos na Síria no passado dia 30 de setembro, na sua primeira intervenção direta no conflito neste país, que começou em marco de 2011.

Doze dias depois do início da campanha aérea russa, as tropas do regime sírio estavam a avançar contra os rebeldes em duas frentes: na província central de Hama, e na parte norte, na província de Latakia.

O envolvimento da Rússia está a complicar os esforços da coligação liderada pelos Estados Unidos contra o autoproclamado Estado Islâmico, através de bombardeamentos.

Washington e Moscovo já se reuniram para evitar acidentes militares no cada vez mais apinhado espaço aéreo da Síria: "As discussões foram profissionais e focaram-se essencialmente na implementação de procedimentos de segurança específicos", disse um porta-voz do Departamento da Defesa dos Estados Unidos, que especificou que o objetivo era "promover a segurança das operações de voo sobre a Síria".

Lusa

  • Constitucional chumba algumas normas da lei de barrigas de aluguer

    País

    O Tribunal Constitucional chumbou algumas normas do acórdão sobre as barrigas de aluguer. De acordo com o Expresso, a decisão já foi comunicada à Assembleia da República. A obrigatoriedade da regulamentação da lei ser feita pelo Parlamento e não pelo Governo terá sido unânime.

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • A história do bebé que continua a lutar pela vida depois do tribunal ter desligado as máquinas

    Mundo

    Alfie Evans sofre de uma doença cerebral degenerativa. A sua condição levou o caso à justiça e, depois de uma batalha judicial entre os pais e o hospital, os juízes determinaram que as máquinas do suporte artificial de vida fossem desligadas. Apesar de os aparelhos terem sido desligados na segunda-feira à noite, segundo os pais, a criança de 23 meses continua a lutar pela vida, respirando sozinha.

    SIC

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17
  • O recado de Donald Trump à Coreia do Norte 

    Mundo

    O Presidente norte-americano, Donald Trump, exortou Pyongyang a eliminar todo o seu arsenal nuclear, precisando o que queria dizer exatamente ao apelar para a "desnuclearização" do regime totalitário, antes de uma aguardada cimeira com o líder norte-coreano.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31