sicnot

Perfil

Mundo

Jorge Sampaio apela a "menos oratória e mais atuação concertada" em torno da agenda humanitária

Jorge Sampaio pediu hoje mais ação e menos palavras. Na Conferência Internacional do Ano Europeu para o Desenvolvimento, o antigo chefe de Estado recusou pronunciar-se sobre o atual contexto político do país mas pediu ao próximo governo que tenha a boa governação como prioridade.

O antigo Presidente da República admitiu que o momento atual é de grandes desafios geopoliticos, de economias voláteis e de lideranças pouco afirmativas, que acabam por resultar em crises, que têm como protagonistas migrantes e refugiados.

Jorge Sampaio lembrou que são problemas que exigem respostas rápidas e apelou a "menos oratória e mais atuação concertada" em torno da agenda humanitária.

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.