sicnot

Perfil

Mundo

Nova explosão na cidade chinesa de Tianjin

Uma explosão e posterior incêndio num armazém de produtos químicos voltou a ser registada na cidade portuária de Tianjin, no norte da China, dois meses após um incidente com as mesmas características ter causado mais de 170 mortos.

Zhang Chenlin

O acidente, que não causou vítimas, ocorreu na segunda-feira, cerca das 22:00 locais (15:00 em Lisboa), num armazém no distrito de Beichen, informou hoje a agência oficial chinesa Xinhua.

A polícia confirmou que o armazém, que guardava álcool e outros produtos químicos, operava sem licença. Duas pessoas foram, entretanto, detidas.

Vários vídeos colocados nas redes sociais chinesas e reproduzidos pelos media locais mostram labaredas visíveis a centenas de metros de distância.

Em agosto, duas explosões, num terminal de contentores que armazenava ilegalmente 3.000 toneladas de produtos químicos, em Tianjin, causaram 173 mortos e 700 feridos.

Lusai

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26
  • Danos Colaterais 
    18:55
    Reportagem Especial

    Reportagem Especial

    Jornal da Noite

    Nos últimos oito anos a banca perdeu 12 mil profissionais. A dimensão de despedimentos no setor é a segunda maior da economia portuguesa, só ultrapassada pela construção civil. A etapa mais complexa da história começou em 2008, com a nacionalização do BPN. Desde então, as saídas têm sido a regra. A reportagem especial desta terça-feira, "Danos Colaterais", dá voz aos despedidos da banca.

  • Trump acusa o procurador-geral dos EUA de ser fraco
    1:46