sicnot

Perfil

Mundo

Polícia detém na Nova Zelândia empresário suspeito no caso do leite contaminado

Um empresário de 60 anos foi detido na Nova Zelândia por suspeitas no envolvimento no caso do leite para crianças contaminado, que teve de ser retirado não só dos mercados neozelandeses, como de vários países asiático como da China ou da Tailândia.

O leite contaminado teve de ser retirado não só dos mercados neozelandeses, como de vários países asiático como da China ou da Tailândia (AP/ Arquivo)

O leite contaminado teve de ser retirado não só dos mercados neozelandeses, como de vários países asiático como da China ou da Tailândia (AP/ Arquivo)

Sanka Gayashan

Depois de quase 1 ano de investigação, a polícia conseguiu levar a tribunal o responsável pela maior empresa de laticínios do país, que representam mais de 7% do PIB da Nova Zelândia.

Depois das primeiras suspeitas, ainda em 2013, os produtos da marca Fonterra foram retirados, por suspeitas de conterem uma bactéria responsável pelo botulismo. Suspeitas que, mais tarde, se provaram falsas mas que abalaram um dos maiores exportadores de produtos lácteos do mundo.

Já este ano registou-se um novo alerta para o leite em pó desta marca, desta vez devido à presença de um pesticida que obrigou à suspensão de venda dos produtos, em março.

A investigação policial concluiu que o homem, agora detido, agiu sozinho. Apesar desta conclusão, a investigação vai continuar.

  • "Espero que num prazo muito breve seja tudo esclarecido"
    1:34

    País

    O ministro do Trabalho e da Segurança Social disse hoje que é preciso aguardar pelo resultado da inspeção que está a ser feita às contas da associação Raríssimas. Vieira da Silva espera que tudo seja esclarecido o mais rapidamente possível.

  • As contradições do (ainda) secretário de Estado da Saúde
    1:58

    País

    Antes do pedido de demissão, o secretário de Estado da Saúde foi, na tarde de terça-feira, confrontado com uma série de novos documentos pela reportagem da TVI. Manuel Delgado é confrontado com uma série de acusações e entra, várias vezes, em contradição.

  • Brinquedos tecnológicos para oferecer no Natal
    5:33
  • Aniversário de Marcelo passado nas comemorações dos 700 anos da Marinha
    1:45

    País

    O Presidente da República defende que é preciso continuar a investir na Armada, nas pessoas, nas capacidades e no apoio de retaguarda. No dia em que fez 69 anos, Marcelo Rebelo de Sousa esteve nas comemorações dos 700 da Marinha, onde sublinhou os sete séculos de conquistas e de combates navais.

  • Costa anuncia reunião sobre neutralidade carbónica em fevereiro
    2:03

    País

    O Presidente francês defende que é preciso ir mais longe e mais rápido na luta contra as alteração climáticas, numa resposta à decisão de Donald Trump de retirar os EUA do Acordo de Paris. Em fevereiro, será a vez de Portugal organizar uma reunião sobre energia e transportes.