sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 15 mortos, incluindo civis, em bombardeamento russo na Síria

Pelo menos 15 pessoas morreram hoje, entre as quais civis, e várias ficaram feridas num bombardeamento da aviação russa no norte da província central síria de Homs, indicou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Reuters/Arquivo

Reuters/Arquivo

© Muzaffar Salman / Reuters

Os mortos são seis combatentes de fações opositoras ao regime de Damasco e nove civis, incluindo uma menor de idade, precisou a organização não-governamental, não descartando que o número de mortos poderá aumentar porque há feridos em estado grave.

O Observatório referiu que a força aérea russa atacou hoje várias cidades e áreas do norte de Homs.

Estes bombardeamentos coincidem com uma ofensiva por terra do exército sírio contra a cidade de Telbise, um dos principais bastiões rebeldes da metade setentrional de Homs, e outras zonas próximas.

Durante o dia de hoje, a aviação russa teve como alvos Telbise, Tir Maleh e Garnata.

Desde 30 de setembro, a Rússia, aliada do regime do Presidente Bashar al-Assad, está a realizar bombardeamentos na Síria, na sua primeira intervenção militar direta no conflito naquele país desde o seu início, em 2011.

Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22