sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 15 mortos, incluindo civis, em bombardeamento russo na Síria

Pelo menos 15 pessoas morreram hoje, entre as quais civis, e várias ficaram feridas num bombardeamento da aviação russa no norte da província central síria de Homs, indicou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Reuters/Arquivo

Reuters/Arquivo

© Muzaffar Salman / Reuters

Os mortos são seis combatentes de fações opositoras ao regime de Damasco e nove civis, incluindo uma menor de idade, precisou a organização não-governamental, não descartando que o número de mortos poderá aumentar porque há feridos em estado grave.

O Observatório referiu que a força aérea russa atacou hoje várias cidades e áreas do norte de Homs.

Estes bombardeamentos coincidem com uma ofensiva por terra do exército sírio contra a cidade de Telbise, um dos principais bastiões rebeldes da metade setentrional de Homs, e outras zonas próximas.

Durante o dia de hoje, a aviação russa teve como alvos Telbise, Tir Maleh e Garnata.

Desde 30 de setembro, a Rússia, aliada do regime do Presidente Bashar al-Assad, está a realizar bombardeamentos na Síria, na sua primeira intervenção militar direta no conflito naquele país desde o seu início, em 2011.

Lusa

  • CGD terá de reconhecer imparidades e prepara saída de 2 mil funcionários
    2:45

    Caso CGD

    O novo plano estratégico da Caixa está pronto e foi entregue há duas semanas ao Ministério das Finanças. A SIC sabe que está a ser preparada a saída de 2 mil trabalhadores e que o banco terá de reconhecer imparidades. O Expresso diz que a CGD vai fechar o ano com prejuízos que podem chegar aos 3 mil milhões de euros.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.