sicnot

Perfil

Mundo

Balanço de mortos pela passagem do tufão Koppu pelas Filipinas sobe para 16

O tufão Koppu enfraqueceu mas continua hoje a provocar fortes chuvadas nas Filipinas, inundando dezenas de aldeias e fazendo subir o balanço de mortos para 16.

Reuters

O tufão, que tocou terra no domingo na costa oriental de Luzon, principal ilha das Filipinas, já forçou mais de 60.000 pessoas a abandonarem as suas casas, segundo as autoridades.

Embora enfraquecido, o tufão provocou chuvas torrenciais sobre três cadeias montanhosas, inundando vastas planícies a norte de Manila.

"A água sobe rapidamente e há pessoas nos telhados", disse o diretor-adjunto da proteção civil regional, Nigel Lontoc, à agência France Presse.

Em Santa Rosa, localidade a duas horas de automóvel da capital, são visíveis na beira da estrada dezenas de animais mortos - búfalos, porcos, cães e cabras -, móveis e eletrodomésticos arrastados pelas águas, segundo a agência.

As rajadas de vento provocadas pelo tufão, que inicialmente atingiram os 210Km/hora, diminuíram hoje para 150Km/hora, mas a chuva intensa mantém-se e, segundo os meteorologistas, o tufão só deverá deixar de afetar o território filipino na quarta-feira.

O balanço oficial de vítimas mortais é de 16 pessoas, sete delas mortas no naufrágio de um 'ferry', mas deverá aumentar à medida que forem chegando informações de algumas das aldeias mais afetadas.

As Filipinas são frequentemente afetadas por intempéries, registando em média a passagem de vinte tufões por ano.

  • Lei existe há quatro anos mas não tem regulamentação
    2:03
  • Denúncia de maus tratos a cães no canil municipal de Elvas
    2:24

    País

    O Grupo de Intervenção e Resgate Animal denunciou nas redes sociais alegados maus tratos a animais no canil municipal de Elvas. As imagens mostram uma cadela com uma corda ao pescoço. A autarquia abriu um inquérito para averiguar o caso, suspendendo também o trabalho dos voluntários no canil.

  • Dois em cada três portugueses vivem vidas sedentárias

    País

    Com menos de hora e meia de exercício semanal, mais de dois terços dos portugueses vivem vidas sedentárias. E a maioria desvaloriza a importância da atividade física, segundo um inquérito divulgado esta quinta-feira pela Fundação Portuguesa de Cardiologia.

  • Ovibeja aposta este ano na internacionalização da agricultura
    2:07

    País

    A Ovibeja começou esta quinta-feira e este ano aposta na internacionalização dos produtos agrícolas do Alentejo. Centenas de expositores esgotam o certame, que é uma monstra da agricultura portuguesa. António Costa, na sexta-feira, e Marcelo Rebelo de Sousa, no sábado, são alguns dos políticos com a presença marcada em Beja.

  • Estados Unidos vão reforçar as sanções à Coreia do Norte
    1:31

    Mundo

    Washington pretende também investir nos esforços diplomáticos para que Pyongyang ponha fim aos programas nucleares e de mísseis. A nova estratégia de Donald Trump foi anunciada quarta-feira à noite. A força aérea norte-americana testou esta quarta-feira um míssil de longo-alcance que percorreu 6800 quilómetros sobre o Pacífico a partir de uma base na Califórnia.

  • Le Pen vai à pesca
    0:35

    Eleições França 2017

    Marine Le Pen, candida à presidência de França fez esta quinta-feira uma "pausa" na campanha eleitoral e aproveitou para ir à pesca. A candidata navegou num barco de pesca no Mediterrâneo.