sicnot

Perfil

Mundo

Líder da Al-Qaeda morto em ataque aéreo na Síria

O líder mais graduado do grupo Khorasan, de operacionais veteranos da Al-Qaeda, Mohsen Adballah Ibrahim al Charekh, foi morto num ataque aéreo, anunciou no domingo o Pentágono.

Reuters

O ataque de 15 de outubro matou Charekh, também conhecido como Sanafi al-Nasr, no noroeste da Síria, indica um comunicado.

"Esta operação representa um golpe significativo nos planos do grupo Khorasan para atacar os Estados Unidos e os nossos aliados, e prova novamente que aqueles que nos querem prejudicar não estão fora do nosso alcance", disse o Pentágono.

O comunicado referiu-se a Al-Nasr como "um 'jihadista' de longa data e experiente na transferência de dinheiro e combatentes para a Al-Qaida".

Segundo o Pentágono, Al-Nasr transferiu fundos de doadores da região do Golfo para o Iraque e depois para líderes da Al-Qaida do Paquistão para a Síria. Organizou rotas para os novos recrutas viajarem do Paquistão para a Síria através da Turquia, e assistiu operações da Al-Qaida no Ocidente.

Al-Nasr é um quinto líder do grupo Khorasan a ser morto nos últimos quatro meses.

  • Militares da revolução denunciam corrupção nos órgãos de poder
    3:22

    País

    O presidente da Associação 25 de Abril acusa a classe política de não ter interesse em travar a corrupção em Portugal. Vasco Lourenço e Otelo Saraiva de Carvalho, dois dos militares da revolução, consideram que a corrupção está entranhada nos órgãos de poder e deve ser denunciada.

  • "Está prevista mais uma melhoria do rating para breve"
    2:46
  • Fábrica na Covilhã vai produzir para marcas de luxo
    1:47

    Economia

    A Covilhã foi a cidade portuguesa escolhida para a instalação de uma nova fábrica de produção de peças para marcas de luxo. O Grupo FM Industries Sycrilor vai reforçar o investimento na cidade e será responsável pelo polimento de metais para as marcas Louis Vuitton e Cartier.