sicnot

Perfil

Mundo

Oscar Pistorius deixa prisão para cumprir resto da pena em casa

O atleta paralímpico Oscar Pistorius deixou hoje a prisão, após um ano de prisão efetiva, para cumprir o resto da pena em domiciliária por ter matado a namorada, informaram as autoridades.

© Mike Hutchings / Reuters

"Oscar Pistorius foi colocado sob supervisão correcional hoje à noite", referiu, em comunicado, o porta-voz do departamento dos serviços correcionais, Manelisi Wolela.

Oscar Pistorius foi condenado a cinco anos de prisão pelo assassínio da namorada.

Os serviços prisionais sul-africanos já tinham anunciado que o atleta iria cumprir o resto da pena em prisão domiciliária a partir do dia 20 de outubro.

O atleta foi considerado culpado de homicídio involuntário, depois de ter dito que matou a namorada através da porta trancada da casa de banho, porque a confundiu com um intruso.

Após a sua libertação, Pistorius enfrentará mais uma prova, a 03 de novembro, quando o Ministério Público recorrer para o Supremo Tribunal da África do Sul pedindo uma condenação por homicídio e uma pena mais dura.

Outrora um ídolo do desporto paralímpico, Pistorius, conhecido como 'Blade Runner' por causa das próteses nas pernas que usava nas pistas de corridas, ascendeu à fama global quando competiu com atletas sem deficiência nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012.

Lusa

  • Não houve negligência médica no caso do jovem que morreu em São José
    2:33

    País

    Afinal, não houve negligência médica no caso do jovem que morreu há cerca de um ano no Hospital de São José, vítima de um aneurisma. Esta é a conclusão da Ordem dos Médicos e dos peritos do Instituto de Medicina Legal. Segundo o jornal Expresso, todos os relatórios relatórios pedidos pelo Ministério Público e pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central dizem que o corpo clínico do hospital não teve responsabilidades na morte de David Duarte.

  • Jovens estariam de fones e poderão não ter ouvido comboio a aproximar-se
    1:47

    País

    As adolescentes, de 13 e 14 anos, encontradas mortas junto à linha do norte perto de Coimbra podem não ter ouvido a aproximação do comboio, uma vez que estariam de auriculares. Os corpos só foram descobertos 36 horas depois do desaparecimento das jovens, aparentemente vítimas de um descuido fatal.

  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.