sicnot

Perfil

Mundo

Ativista Luaty Beirão quer continuar greve de fome junto dos 14 companheiros

O ativista angolano Luaty Beirão, em greve de fome há trinta dias em Luanda, quer abandonar a clínica privada onde se encontra e regressar ao Hospital Prisão de São Paulo, disse hoje à Lusa fonte próxima do preso.

Pedro Coquenão, que acompanha a situação em permanência junto a Luaty Beirão, na Clínica Girassol, em Luanda, disse hoje à Lusa que o preso político luso-angolano quer permanecer ao lado dos restantes 14 companheiros que se encontram neste momento no Hospital Prisão de São Paulo, em Luanda, mantendo a greve de fome.

"Tendo esta impressão vivida durante 30 dias, durante os quais não aparece uma resposta ou não aparece uma saída concreta. Esta decisão tem que ver com o facto de ele estar estável e, tendo também havido esta notícia recente de que todos foram transferidos para o Hospital Prisão de São Paulo, ele entende que faz mais sentido estar junto dos seus companheiros e ter o tratamento que tiver que ter lá e ficarem todos próximos uns dos outros e deixar de haver esta separação", explicou.

Segundo Coquenão, se fosse para ter um tratamento especial, na medida em que Luaty Beirão "tem 30 dias de greve de fome, e se a necessidade de estar numa clínica fosse obrigatória", fazia sentido continuar mais uns dias com cuidados especiais, mas "Luaty acabou por sentir que o facto de não haver uma saída o faz sentir como mais natural pedir para regressar ao sítio onde estava".

"Acima de tudo, tem lá os 14 companheiros à espera e ele quer estar perto deles para que o caso acabe por resultar: trata-se de um conjunto de pessoas e não apenas uma pessoa isolada, ainda que essa pessoa esteja a fazer um enorme sacrifico físico para chamar a atenção para este caso", explica Pedro Coquenão, amigo pessoal de Luaty Beirão e que como músico e artista usa o nome "Batida".

Coquenão disse também que Beirão está consciente das manifestações de solidariedade que começam a ser demonstradas em Portugal para com os jovens presos em Luanda em junho passado, acusados de tentativa de golpe de Estado.

"Tudo isso é importante. Ele tem sabido de tudo e tudo isso tem sido essencial para se manter sóbrio e moralizado e incrementar a sua paz no caminho que está a percorrer", explicou Pedro Coquenão.

O julgamento do caso dos 15 jovens vai começar no dia 16 de novembro, no Tribunal Provincial de Luanda, prolongando-se por cinco sessões já agendadas.

Além de Luaty Beirão, de 33 anos, que assina com os heterónimos musicais "Brigadeiro Mata Frakuzx" ou, mais recentemente, "Ikonoklasta", também Albano Bingobingo, outro dos 15 ativistas em prisão preventiva neste processo, iniciou a 09 de outubro, pelos mesmos motivos, uma greve de fome, mas segundo denúncia da família sem receber os necessários tratamentos médicos.

Lusa

  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

    Em desenvolvimento

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lages
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes. Os passageiros desembarcaram, como registou no Twiiter um jornalista da Al-Jazzera que seguia a bordo. Segundo este depoimento, uma pessoa foi levada para o hospital com problemas cardíacos.

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.