sicnot

Perfil

Mundo

Passagem do tufão Koppu no norte das Filipinas fez pelo menos 35 mortos

A passagem do tufão Koppu pela zona norte das Filipinas fez pelo menos 35 mortos, 24 feridos e afetou mais de 907 mil pessoas, segundo o último balanço hoje divulgado pelas autoridades locais.

FRANCIS R. MALASIG

Após mais de três dias de chuvas intensas, extensas zonas daquela região ficaram submersas, indicaram as mesmas fontes.

Num relatório hoje divulgado, o Conselho Nacional de Gestão e Redução de Riscos de Desastres das Filipinas admitiu que o número de vítimas pode vir a aumentar, uma vez que as operações de resgate de habitantes isolados pelas inundações prosseguem ainda em várias províncias.

A agência governamental filipina precisou que entre as mais de 907 mil pessoas afetadas, 443 mil ficaram desalojadas e 112 mil estão a ser assistidas em centros de acolhimento.

A passagem do tufão Koppu -- que registou ventos que ultrapassaram os 200 quilómetros/hora-, provocou danos materiais significativos no norte das Filipinas, com o registo de 762 zonas inundadas, várias estradas cortadas e 28 pontes intransitáveis.

A agência meteorológica filipina (PAGASA) reviu hoje a classificação do Koppu, de depressão tropical para tempestade, indicando que a chuva, ainda aguardada para aquela região, irá dissipar-se ao longo dos próximos dias.

Anualmente, as Filipinas registam entre 15 a 20 tufões durante a temporada das chuvas, que começa normalmente em junho e termina em novembro.

Em novembro de 2013, o tufão Haiyan, um dos mais potentes tufões da história, causou nas Filipinas 6.300 mortos, mais de 1.000 desaparecidos e mais de 14 milhões de afetados.

Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27

    Ataque em Barcelona

    Os corpos das vítimas portuguesas do atentado de Barcelona vão ser trasladados para Portugal na segunda-feira. A garantia foi dada pelo Secretário de Estado das Comunidades que regressou este sábado à noite de Espanha. José Luís Carneiro avançou ainda que não há mais feridos de nacionalidade portuguesa. 

  • Incêndio lavra na Serra da Estrela
    1:44
  • Ribeira de Pena passa noite em claro
    1:32

    País

    Em Vila Real, as chamas levaram ontem ao corte da A7, no troço entre Ribeira de Pena e o Arco de Baúlhe. Foi uma noite em claro, com vários focos de incêndio.

  • José Eduardo dos Santos apelou ao voto em Angola
    2:07

    Mundo

    Faltam quatro dias para as eleições em Angola, as primeiras sem Eduardo dos Santos como candidato. Mesmo fora de cena, o ainda Presidente apareceu ao lado do cabeça de lista do MPLA para apelar ao voto e dizer que está convencido que João Lourenço vai ser o seu sucessor.

  • Um encontro português (e inesperado) em alto mar
    2:38