sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos nove desaparecidos e dois feridos em explosão em central química chinesa

Pelo menos nove pessoas desapareceram e outras duas ficaram feridas depois de uma explosão numa central química na província chinesa de Shandong, informou hoje a emissora oficial CCTV.

Arquivo reuters

As causas da explosão são ainda desconhecidas, bem como quantas pessoas se encontravam dentro da fábrica, pelo que se estima que o número de vítimas possa vir a aumentar nas próximas horas.

A explosão em Shandong é a primeira desde que 164 pessoas morreram e 700 ficaram feridas quando um terminal de contentores explodiu no porto de Tianjin, em agosto.

O incidente voltou a gerar críticas ao Governo chinês devido às fracas medidas de segurança aplicadas ao setor industrial. Em resposta, Pequim ordenou revisões a todas as fábricas que trabalham com produtos perigosos ou inflamáveis.

Segundo as autoridades chinesas, todos os anos 70.000 pessoas morrem em acidentes industriais, apesar de especialistas alertarem para a possibilidade de o número real ser muito superior, já que há muitos acidentes ocultados ou não registados.

  • Reclusos que fugiram de Caxias tiveram cúmplices
    1:59

    País

    Uma falha de Portugal poderá explicar a libertação de um dos dois chilenos que fugiram de Caxias e foram apanhados em Espanha. As autoridades portuguesas atrasaram-se a enviar o mandado de detenção e a polícia espanhola libertou o fugitivo. Na investigação da fuga, acredita-se que os 3 reclusos tiveram cúmplices e a namorada de um deles já foi interrogada.

  • Jovem indiano acorda a caminho do próprio funeral

    Mundo

    Um jovem indiano chocou os seus parente e amigos, depois de acordar no caminho para o seu próprio funeral. No mês antes, Kumar Marewad foi levado para o hospital após ser mordido por um cão de rua, ficando em estado grave.

  • Bilhete de desculpas valeu uma bolsa de estudo

    Mundo

    Um jovem chinês ganhou uma bolsa de estudos no valor de 10 mil yuan (cerca de 1.380 euros), depois de danificar acidentalmente um carro de luxo. Isto, porque após os estragos, o jovem deixou um bilhete de desculpas ao dono, assim como todo o dinheiro que tinha com ele, como compensação.