sicnot

Perfil

Mundo

Trem de aterragem de avião da British Airways cede em aeroporto sul-africano

Um dos trens de aterragem de um Boeing 737-400 da British Airways, com 100 pessoas a bordo, cedeu esta segunda-feira após a aterragem no aeroporto internacional Oliver Tambo, perto de Joanesburgo, sem causar feridos, revelou a companhia aérea britânica.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Steve Marcus / Reuters

Uma centena de pessoas - 94 passageiros e seis tripulantes - estavam a bordo do aparelho, operado pela Comair (operadora sul-africana da British Airways) e oriundo de Port Elizabeth, no sul do país, quando, cerca do meio-dia local (10:00 em Lisboa), ocorreu o acidente.

"O avião estava na pista há pouco tempo, tendo realizado uma aterragem clássica, quando a tripulação notou uma vibração anormal, seguida do colapso do trem do lado esquerdo", informou Erik Venter, responsável da Comair, segundo a qual todos os passageiros e tripulantes saíram ilesos.

Imagens que circulam nas redes sociais mostram o avião inclinado para o lado, com a asa esquerda a tocar o chão.

Os voos para o aeroporto de Oliver Tambo, o maior da África do Sul, estão a registar atrasos de até uma hora, tendo a pista de aterragem sido encerrada após o acidente, revelou a Companhia de Aeroportos da África do Sul.

Lusa

  • Fogo em Sabrosa entrou em fase de resolução

    País

    O incêndio que deflagrou terça-feira em Vilela do Douro, Sabrosa, distrito de Vila Real, entrou a meio da manhã de hoje em fase de resolução, segundo a Autoridade Nacional de Proteção Civil.

  • Governo garante reforço das verbas para defesa da floresta até ao fim do ano
    2:37

    País

    O Governo rejeitou centenas de candidaturas com projetos para a prevenção de incêndios florestais, por falta de verbas. Perante a situação, o Bloco de Esquerda questionou o Ministério da Agricultura sobre as reprovações. Contudo, contactado pela SIC, o ministro Capoulas Santos garantiu que o programa de desenvolvimento rural está a ser reajustado e, até ao final do ano, está previsto o reforço de verbas.

  • Porto Editora acusada de discriminação
    2:55
  • "Burlão do amor" acusado de tirar 450 mil euros a amante
    2:21

    País

    Um homem com cerca de 50 anos é acusado de tirar 450 mil euros a uma mulher com quem começou por ter uma relação profissional. Ele pedia, ela emprestava. Anos depois, ela ficou insolvente, com dívidas à banca de 214 mil euros e sem emprego. O homem é arguido, nega a relação amorosa entre ambos, mas admite ter recebido dinheiro dela. Garante, no entanto, que tenciona pagar o que deve.