sicnot

Perfil

Mundo

Filho de Fidel Castro recebido pela vice-primeira-ministra chinesa

O físico nuclear Fidel Castro Díaz-Balart, filho do ex-líder cubano Fidel Castro, foi recebido em Pequim pela vice-primeira-ministra chinesa, tendo defendido um impulso no intercâmbio científico entre a China e Cuba, noticia a imprensa chinesa.

reuters

Segundo destaca hoje o Global Times, jornal de língua inglesa do grupo Diário do Povo, o órgão central do Partido Comunista da China, Castro Díaz-Balart, assessor do Presidente de Cuba (o seu tio Raul Castro) para assuntos relacionados com a ciência, lidera a delegação que, no encontro com Liu Yandong, na segunda-feira, analisou a cooperação tecnológica entre os dois regimes comunistas.

A vice-primeira-ministra chinesa destacou as conquistas de Cuba e o bom estado das relações entre Pequim e Havana, também em matéria de ciência e inovação, segundo o mesmo jornal.

O filho mais velho de Fidel Castro esteve na semana passada no Cazaquistão, onde visitou centros de desenvolvimento tecnológico e científico em Astana e Almaty e proferiu uma conferência sobre nanotecnologia.

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55

    Football Leaks

    Com o escândalo dos agentes de futebol a dar que falar, o Expresso revela este sábado os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa. O nome da empresa de que é administrador, a Energy Soccer, surge na investigação em transferências de jogadores que envolvem o Futebol Clube do Porto num conflito de interesses.

  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47