sicnot

Perfil

Mundo

China vai comprar 100 Airbus A320

A China assinou hoje um contrato para comprar 100 Airbus A320, disse um porta-voz do fabricante europeu à agência AFP.

Fábrica da Airbus

Fábrica da Airbus

© Damir Sagolj / Reuters

A encomenda vale 9,7 mil milhões de dólares (8,1 mil milhões de euros), de acordo com a tabela de preços.

O acordo, assinado numa altura em que a chanceler alemã, Angela Merkel, se encontra de visita à China, também inclui a confirmação da opção por 30 aeronaves do tipo A330 previamente anunciada, indicou o mesmo responsável à agência noticiosa francesa.

A empresa -- que conta com uma linha de montagem no porto de Tianjin, no norte da China -- disputa com a norte-americana Boeing o domínio do mercado chinês.

Quando o primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, visitou a sede da Airbus na cidade francesa de Toulouse em janeiro, um acordo para 75 aviões A330 foi anunciado, no valor de pelo menos 17 mil milhões de dólares (15,5 mil milhões de euros), segundo a tabela de preços.

Já aquando da visita aos Estados Unidos, no mês passado, do Presidente chinês, Xi Jinping, a Boeing, com sede em Seatle, anunciou uma compra recorde de 300 aeronaves avaliadas em cerca de 38 mil milhões de dólares (34,7 mil milhões de euros).

A China deverá adicionar 6.330 novos aviões, no valor de 950 mil milhões de dólares (868 mil milhões de euros), à sua frota comercial até 2034, indicou, em agosto, o fabricante aeronáutico norte-americano no seu relatório anual sobre as perspetivas no mercado da China.

Lusa

  • Desespero e euforia marcaram o 8.º dia de Mundial
    0:50
  • A derrota que envergonhou a Argentina e apurou a Croácia

    Mundial 2018 / Argentina

    A Croácia garantiu esta quinta-feira a passagem aos oitavos de final do Mundial 2018. A seleção croata bateu a Argentina por 3-0 e deixou os sul-americanos com as contas do apuramento muito complicadas. Veja aqui os golos e os principais lances do encontro.

  • Lisboa vence prémio Capital Europeia Verde de 2020

    País

    A cidade de Lisboa venceu o prémio de Capital Europeia Verde de 2020, anunciou o comissário da União Europeia para o Ambiente, Assuntos Marítimos e Pescas, Karmenu Vella, numa cerimónia que decorreu em Nijmegen, na Holanda.

  • Trump culpa democratas pela separação de pais e filhos
    0:22