sicnot

Perfil

Mundo

Detonada em segurança bomba da II Guerra Mundial descoberta em aeroporto alemão

Uma bomba da Segunda Guerra Mundial (1939/45) foi descoberta hoje num dos principais aeroportos alemães, tendo as autoridades locais procedido à detonação controlada do engenho, obrigando ao adiamento de sete voos.

Arquivo reuters

Segundo os serviços de imprensa do aeroporto de Dusseldorf (oeste da Alemanha), o terceiro mais movimentado do país, os voos foram interrompidos durante cerca de uma hora enquanto os peritos procederam à explosão controlada do engenho de 125 quilogramas.

A bomba foi descoberta durante a madrugada de hoje próximo da pista de aterragem principal durante trabalhos de manutenção e foi cuidadosamente transportada para um buraco de oito metros de profundidade cavado para o efeito para limitar quaisquer danos colaterais.

"O som da explosão pôde ser ouvido claramente na área circundante do aeroporto", sublinhou a câmara municipal de Dusseldorf.

As autoridades locais afirmaram temer a possibilidade de existirem outros engenhos da mesma altura por baixo do solo onde se situa o aeroporto.

Segundo as autoridades, ao longo deste mês, serão efetuadas monitorizações no solo para determinar se existem mais engenhos explosivos daquela época.

Em 2009, uma bomba de 500 quilogramas foi descoberta e destruída, igualmente de forma controlada, próximo do aeroporto.

Setenta anos após o fim do conflito, ainda existem zonas na Alemanha com bombas que ficaram por explodir na sequência das campanhas dos Aliados.

A quase totalidade dos engenhos explosivos por detonar tem sido descoberta durante obras públicas

  • Marcelo quer fazer mais e melhor
    0:48

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa quer fazer mais e melhor no segundo ano enquanto Presidente da República. Marcelo fez esta terça-feira um balanço do primeiro ano em Belém, dizendo que é preciso não perder o que se conseguiu em termos de recuperação económica mas que é preciso ser mais ambicioso.

  • "Andem lá com isso!"
    0:42
  • "A Miss Helsínquia é a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza"

    Mundo

    Sephora Lindsay Ikabala venceu o concurso Miss Helsínquia 2017 e, desde então, tem vindo a ser insultada e criticada nas redes sociais. A nigeriana de 19 anos vive na cidade desde criança. "A Miss Helsínquia é literalmente a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza", é apenas um dos muitos comentários que circula nas redes sociais.