sicnot

Perfil

Mundo

Buscas em casa de Jean-Marie Le Pen por suspeita de fraude fiscal

A polícia francesa fez hoje buscas na residência do ex-líder da Frente Nacional (extrema-direita) Jean-Marie Le Pen, na região de Paris, no âmbito de uma investigação por branqueamento e fraude fiscal, noticiou a agência France Presse.

© Jean-Paul Pelissier / Reuters

A investigação ao fundador da FN, expulso do partido este ano, foi aberta em junho pelo procurador financeiro e envolve suspeitas de branqueamento, fraude fiscal e omissão de declaração de património, segundo fonte judicial citada pela agência.

A investigação foi aberta na sequência de informações transmitidas aos procuradores pela célula antibranqueamento do Ministério das Finanças (Tracfin) relativas a uma conta bancária no estrangeiro e da Alta Autoridade para a Transparência da Vida Pública (HATVP) de França.

No final de abril, o 'site' Mediapart deu notícia da comunicação feita por aquela célula das Finanças, precisando que ela diz respeito a um fundo fiduciário nas Ilhas Virgens britânicas e gerido por Genebra no valor de 2,2 milhões de euros.

Jean-Marie Le Pen negou na altura deter qualquer fundo no estrangeiro.

A informação da HAPTV sobre a declaração de património de Le Pen de 2014 também está relacionada com essa conta.

Lusa

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52