sicnot

Perfil

Mundo

Cameron confiante nas negociações com UE

O primeiro-ministro britânico afirmou hoje "estar confiante" na renegociação de quatro objetivos essenciais para a presença do país na UE, mas advertiu que terá "de reconsiderar" essa presença se as negociações não tiverem êxito.

© Stefan Wermuth / Reuters

Num discurso proferido no centro de reflexão Chatham House, durante o qual apresentou os seus objetivos na renegociação com a UE, David Cameron declarou que esta era "a única hipótese" de chegar a um acordo, antes do referendo sobre a adesão, a realizar até final de 2017.

O primeiro-ministro britânico sublinhou as quatro exigências, já conhecidas: o fim da discriminação dos Estados não-membros da zona euro, o desenvolvimento da competitividade do mercado único, a concessão de uma exceção ao Reino Unido no reforço da união e maior controlo sobre a política de imigração.

"Estou confiante na obtenção de um acordo com a UE conveniente para o Reino Unido", garantiu.

Mas se não conseguir o que pretende, David Cameron repetiu que "não excluirá nada".

"Talvez seja a decisão mais importante que o povo britânico terá que tomar durante a nossa vida", avisou o dirigente britânico, para sublinhar a importância do referendo a realizar até final de 2017.

Cameron comprometeu-se a organizar um referendo sobre a manutenção do país como membro da UE, num discurso proferido em janeiro de 2013 sob pressão da subida do partido eurofóbico Ukip e da ala eurocética do seu próprio Partido Conservador.

Lusa

  • Cameron exige mudanças para que Reino Unido continue a integrar a UE
    1:16

    Economia

    David Cameron envia hoje terça-feira ao Conselho Europeu uma carta com as exigências do Reino Unido para se manter na União Europeia (UE), que o primeiro-ministro britânico quer que se torne mais flexível e mais competitiva. Cameron diz que os países de fora do euro devem ser tratados da mesma forma que os que pertencem à Zona Euro e avisa que se as exigências não forem atendidas pode recomendar aos britânicos que votem contra a permanência britânica na UE, no referendo prometido para 2017.

  • Santana Lopes confirma buscas na Santa Casa da Misericórdia de Lisboa
    1:26

    País

    Pedro Santana Lopes confirmou esta quarta-feira a realização de buscas por parte da polícia judiária à Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. O provedor da Santa Casa disse aos jornalistas que o processo está relacionado com suspeitas em compras efetuadas pela Misericórdia, situação que há dois anos já tinha sido objeto de inquérito interno.

  • Oposição aproveita debate quinzenal para questões sobre a CGD
    2:35

    Caso CGD

    A oposição aproveitou o debate quinzenal para questionar o primeiro-ministro sobre a polémica em torno da Caixa Geral de Depósitos. O CDS exigiu provas de António Costa para afirmar que as contas do banco foram maquilhadas e o PSD perguntou ao primeiro-ministro se não estranha a demissão de António Domingues quando este apresentou a declaração de rendimentos.

  • Turismo da Madeira investe mais de 3 milhões de euros no programa de festas
    2:22

    País

    A Madeira já vive a época de Natal. O turismo da região investiu mais de 3 milhões de euros no programa de festas de Natal e Fim de Ano para atrair os turistas. Os residentes e também turistas aproveitam para desfrutar do ambiente mágico proporcionado pelas tradicionais iluminações à mistura com as decorações e gastronomia típicas da quadra.

  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.