sicnot

Perfil

Mundo

Força crescente do El Niño ameaça a vida das crianças, avisa UNICEF

A UNICEF estimou hoje que 11 milhões de crianças estejam em risco de fome, doenças e falta de água na África Oriental e Austral em resultado da força crescente do fenómeno meteorológico conhecido por El Niño.

reuters

Segundo a UNICEF/Fundo das Nações Unidas para a Infância, o El Niño também está a causar secas e cheias em partes da Ásia, da região do Pacífico e da América Latina.

El Niño é um padrão climático ligado ao aquecimento das águas de superfície do Oceano Pacífico, que pode ter um efeito profundo nos padrões climáticos em todo o mundo.

As manifestações de El Niño tendem a acontecer com uma periodicidade que varia entre os dois e os sete anos.

"As consequências poderão ter um efeito de cascata sobre várias gerações, a menos que as comunidades afetadas recebam apoio para lidar com a quebra das colheitas e a falta de acesso a água potável, que estão a deixar as crianças malnutridas e em risco face às doenças fatais", alertou a UNICEF.

De acordo com a UNICEF, El Niño pode levar a um incremento significativo de doenças como a malária, o dengue, a diarreia e a cólera -- doenças que estão entre as principais causas de morte de crianças.

"Quando as condições meteorológicas extremas privam as comunidades do seu modo de vida, as crianças mais novas sofrem muitas vezes de subnutrição, o que as deixa ainda mais expostas ao risco de adoecerem, sofrerem atrasos no desenvolvimento cognitivo e morrerem prematuramente", adverte a UNICEF.

"As crianças e as comunidades em que se inserem precisam da nossa ajuda para recuperar do impacto de El Niño e para se prepararem para os estragos ulteriores que aquele fenómeno pode desencadear," considerou o diretor executivo da UNICEF, Anthony Lake.

Observou, a propósito, que a intensidade e o potencial de destruição do El Niño podem representar um alerta por ocasião da reunião de líderes mundiais em Paris.

"Ao procederem à discussão de um acordo para limitar o aquecimento global, devem lembrar-se de que o futuro das crianças de hoje e o do planeta que elas vão herdar está em causa", enfatizou Anthony Lake.

Os líderes mundiais vão reunir-se em Paris por ocasião da 21ª Conferência das Nações Unidas sobre o Clima, também conhecida como COP21, de 30 de novembro a 11 de dezembro próximos.

O objetivo do encontro é o de alcançar um acordo vinculativo que vise limitar o aquecimento global mediante a redução das emissões dos gases com efeito de estufa.

As ocorrências de El Niño não são causadas pelas alterações climáticas, mas os cientistas acreditam que estão a tornar-se mais intensas em resultado das alterações climáticas.

Muitos dos países que estão agora a sofrer os efeitos de El Niño são aqueles que enfrentam a mais grave ameaça por parte das alterações climáticas. Muitas das áreas afetadas têm também elevados níveis de pobreza.

Segundo especialistas, é provável que este fenómeno meteorológico, um dos mais fortes de que há registo, venha a causar mais cheias e secas, a alimentar tufões e ciclones no Pacífico, e a afetar mais zonas se continuar a ganhar força como indicam as previsões para os próximos meses.

Somália, Etiópia, Indonésia, nações do Pacífico, Guatemala, Honduras, El Salvador, Peru, Equador são alguns dos países e regiões afetados pelo fenómeno El Niño.

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartido de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • "Avançámos em primeiro lugar com incentivos às empresas"
    18:07

    Economia

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar do que pode ser feito depois da tragédia dos incêndios que assolou o país na última semana. O governante diz que já avançou com incentivos às empresas afetadas e que neste momento o mais importante é preservar a segurança das pessoas.

    Entrevista SIC Notícias

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Gémeas correm risco de vida se não saírem de Gaza

    Mundo

    Duas irmãs gémeas siamesas correm risco de vida enquanto permanecerem em Gaza. Quem diz é o médico Alam Abu Hamba, do Hospital de Shifra, que garante que "situação complicada" das meninas não pode ser tratada por médicos no território costeiro, atulamente bloqueado pelo Egito e por Israel. Abu Hamba espera que o casal de gémeas possa ser transferido para fora da separação.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC