sicnot

Perfil

Mundo

Jimmy Carter "responde bem" ao tratamento de um cancro

O ex-Presidente norte-americano Jimmy Carter está a responder bem ao tratamento contra um cancro, não havendo sinais de o tumor ter voltado a crescer, revelaram hoje os médicos em Washington.

Jimmy Carter, ex-Presidente norte-americano.

Jimmy Carter, ex-Presidente norte-americano.

© Joshua Roberts / Reuters

Em declaração pública, o "Carter Center" referiu que o 39º presidente dos Estados Unidos recebeu "as boas novidades" dos médicos que lhe removeram um tumor no fígado.

"Os exames mais recentes mostram que não existem indícios de novos tumores malignos", garantem os médicos, acrescentando que o paciente respondeu bem ao tratamento aplicado.

Segundo os médicos, os testes vão prosseguir.

O Centro Carter ou "Carter Center" é uma organização sem fins lucrativos fundada em 1982 pelo ex-Presidente dos Estados Unidos Jimmy Carter e sua mulher, Rosalynn Carter, para lutar contra a doença, a fome, a pobreza, a guerra e a opressão no Mundo.

Lusa

  • Cavaco apela ao voto contra a eutanásia
    1:09

    País

    A eutanásia será discutida no Parlamento na terça-feira e os deputados do PS e PSD terão liberdade de voto. O PCP e CDS já se anteciparam e garantem que vão votar contra. Cavaco Silva é outra voz crítica em relação a esta questão. O ex-Presidente da República diz que é a decisão mais grave que os deputados podem tomar e apela que nas legislativas de 2019 não se vote nos partidos que forem a favor da morte medicamente assistida.

  • Papa terá pedido a bispos que rejeitem seminaristas homossexuais
    1:15
  • Duquesa de Sussex já tem brasão

    Harry & Meghan

    O Palácio de Kensington apresentou esta sexta-feira o brasão da Duquesa de Sussex, Meghan Markle. O brasão foi criado pelo College of Arms mas teve a ajuda da duquesa para que este fosse "pessoal e representativo".

    SIC

  • Moradores de Lake Worth recebem alerta para invasão de mortos-vivos

    Mundo

    E se de repente recebesse uma mensagem que alertava que a sua cidade estava a ser atacada por mortos-vivos? Foi o que aconteceu com os moradores da cidade norte-americana de Lake Worth, que foram surpreendidos durante a madrugada por uma mensagem de emergência dos serviços estatais, que os avisava de "atividade extrema de mortos-vivos".

    SIC