sicnot

Perfil

Mundo

Os cuidados especiais da mãe-chimpanzé com a cria com Síndrome de Down

Pela primeira vez no mundo, foi observada uma mãe chimpanzé, na vida selvagem, a ter cuidados redobrados com a sua cria. O que torna esta história inédita é o facto de a cria ser portadora de Síndrome de Down.

Foto de Takuya Matsumoto

Foto de Takuya Matsumoto

Aconteceu no Parque Nacional das Montanhas Mahale, na Tanzânia. Cientistas japoneses observaram o comportamento de uma mãe chimpanzé que tinha constantemente uma cria ao colo.

Subia às árvores com apenas 3 patas, para poder transportar o mais pequeno, deu de mamar até mais tarde que o habitual. Um tratamento especial que aguçou a curiosidade dos investigadores da Universidade de Quioto.

Perceberm que a cria era diferente. Tinha Síndrome de Down.

Os cientistas acreditam que "os cuidados redobrados da mãe devido às deficiências da sua cria e os cuidados dados também pela irmã (da mãe) ajudaram-na a sobreviver durante 23 meses na selva".

De acordo com a BBC, só há registo no mundo de dois casos de chimpanzés com deficiências, que sobreviveram durante longos períodos. Ambos nasceram em cativeiro e contaram com o apoio de humanos.

Esta descoberta irá permitir aos investigadores perceber "como a sociedade humana, que socialmente toma conta dos seus membros com deficiências, tem evoluído" explicou à BBC, Michio Nakamura, um dos investigadores.

  • Vala comum com 6 mil corpos em Mossul
    1:43
  • À redescoberta da Madeira, 16 anos depois
    1:59
  • A menina que os pais queriam chamar "Allah"

    Mundo

    ZalyKha Graceful Lorraina Allah tem 22 meses, anda não sabe ler nem escrever mas já está no centro de um processo judicial contra o Estado da Georgia, nos EUA. Os pais, Elizabeth Handy e Bilal Walk, apoiados por uma ONG, exigem na justiça que o nome seja reconhecido na certidão de nascimento para que a criança possa ser inscrita na escola, na segurança social ou nos registos e notoriado. O casal já tem um filho de 3 anos que se chama Masterful Mosirah Aly Allah.

  • Acidentes em falésias matam 94 pescadores lúdicos

    País

    Mais de 90 pescadores lúdicos morreram nos últimos 19 anos e 137 ficaram feridos em 252 acidentes registados em zona rochosa ou em falésia, a maioria na zona de Lagos, Faro, segundo dados da Autoridade Marítima Nacional.

  • Partidos querem eleições a 1 de outubro
    1:35

    País

    A data para as próximas eleições autárquicas já gerou consenso. 1 de outubro é a data pedida pelos vários partidos ouvidos esta segunda-feira por António Costa. Na próxima quinta-feira, no Conselho de Ministros, o dia de ir às urnas vai ser escolhido.