sicnot

Perfil

Mundo

Cinco detidos de Guantanamo transferidos para os Emirados Árabes Unidos

Os Estados Unidos da América anunciaram no domingo a transferência de cinco detidos em Guantanamo para os Emirados Árabes Unidos, no quadro do projeto de encerramento do centro de detenção.

Prisão de Guantánamo, nos Estados Unidos.(Arquivo)

Prisão de Guantánamo, nos Estados Unidos.(Arquivo)

© Staff Photographer / Reuters

Segundo o Pentágono, 107 pessoas estão ainda detidas na prisão militar situada em Cuba.

Os cinco detidos transferidos são Ali Ahmad Mohammed al-Razihi, Khalid Abd-al-Jabbar Mohammed Uthman al-Qadasi, Adil Said al-Hajj Ubayd al-Busays, Sulayman Awad Bin Uqayl al-Nahdi e Fahmi Salem Said al-Asani.

A prisão de Guantanamo abriu portas em janeiro de 2002 para acolher os suspeitos de terrorismo. Em 2003, chegou a ter mais de 700 detidos.

A prisão e as imagens dos prisioneiros acorrentados com os uniformes cor de laranja tiveram um impacto desastroso sobre a imagem dos Estados Unidos no mundo e o Presidente Barack Obama fez do encerramento de Guantanamo uma promessa eleitoral.

Obama poderá concretizar a promessa antes do fim do seu mandato, em janeiro de 2017. O plano incluia a transferência de cerca de 50 detidos para os Estados Unidos. Os outros, considerados menos perigosos, seriam transferidos para o estrangeiro.

Vários prisioneiros foram nos últimos meses repatriados para o seu país de origem ou transferidos para um país terceiro.

Lusa

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Temperaturas negativas em várias zonas do país nos próximos dias
    1:57

    País

    O frio vai começar a fazer-se sentir nos próximos dias com as temperaturas a descerem para valores negativos em várias zonas do país. Em Lisboa, cinco estações de metro vão estar abertas durante a noite para albergar os sem-abrigo que também vão receber agasalhos e refeições quentes.

  • Medalha idêntica à de Anne Frank encontrada em campo nazi

    Mundo

    Um grupo de investigadores encontrou uma medalha praticamente igual à de Anne Frank, nas escavações ao campo nazi de extermínio Sobibor, na Polónia. Os especialistas do Memorial do Holocausto Yad Vashem em Israel acreditam que a medalha pertencia a Karoline Cohn, que pode ter conhecido Anne Frank.