sicnot

Perfil

Mundo

Daesh reivindica atentado no Bangladesh

O Daesh reivindicou o atentado numa mesquita xiita de Bogra, no Bangladesh, que fez um morto e três feridos.

Atentado numa mesquita xiita de Bogra, no Bangladesh, que fez um morto e três feridos.

Atentado numa mesquita xiita de Bogra, no Bangladesh, que fez um morto e três feridos.

O grupo extremista Estado Islâmico reivindicou um atentado perpetrado na quinta-feira contra uma mesquita xiita no Bangladesh, que fez um morto e três feridos, revelou hoje o SITE, com sede nos EUA, que monitoriza portais islâmicos.

O ataque ocorreu durante as orações do final do dia de quinta-feira, um dia depois de a polícia ter abatido a tiro um líder islamita acusado de lançar granadas contra o principal santuário xiita do país, na capital, Daca, no mês passado, matando duas pessoas.

Homens armados entraram na mesquita de Shibganj, a cerca de 125 quilómetros a norte de Daca, na quinta-feira, abrindo fogo contra os fiéis antes de fugirem.

Imagens televisivas mostram a mesquita xiita sob um forte aparato policial, com janelas partidas e manchas de sangue no chão.

A polícia indicou que o muezim foi morto e que três fiéis ficaram feridos no tiroteio, um raro ataque contra a minoria xiita na nação de maioria sunita.

Segundo a rede de vigilância dos movimentos 'jihadistas' SITE, o grupo extremista Estado Islâmico (EI) reivindicou a autoria do ataque através de uma mensagem publicada na rede social Twitter.

As autoridades do Bangladesh indicaram anteriormente não haver provas de que militantes do EI estavam ativos no país.

Contudo, o movimento extremista reivindicou a autoria de uma série de ataques no Bangladesh, incluindo o atentado na semana passada contra um padre italiano, que ficou gravemente ferido.

Com Lusa

  • Primeiro-ministro agradece sacrifícios dos portugueses
    0:46

    Economia

    O primeiro-ministro diz que os números do INE em relação ao défice de 2016 são prova de que havia uma alternativa e deixou uma palavra de agradecimento aos portugueses. As declarações de António Costa foram feiras aos jornalistas em Roma, onde se encontra para assinalar no sábado os 60 anos da União Europeia.

  • Jerónimo diz que UE vai continuar a causar constrangimentos a Portugal
    0:35

    Economia

    Esta sexta-feira na inauguração de uma exposição em Almada que denuncia a precariedade dos postos de trabalho, Jerónimo de Sousa falou sobre o défice de 2016. Para o secretário-geral do PCP, apesar do Governo ter ido além do exigido por Bruxelas, a União Europeia vai continuar a impedir Portugal de crescer.

  • Enfermeiros desconvocam greve

    País

    O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) desconvocou esta sexta-feira a greve geral nacional marcada para quinta e sexta-feira da próxima semana, anunciou o presidente da estrutura, justificando com os compromissos assumidos pelo Ministério da Saúde.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.

  • Probido fumar na praia? Não-fumadores aplaudem ideia
    1:33

    País

    O Comissário Europeu da Saúde defende uma proibição total do consumo de tabaco no espaço público. Esta e outras medidas foram defendidas, ontem, na Conferência Tabaco e Saúde da Liga Portuguesa Contra o Cancro. 

  • Visitar o Titanic vai custar 97 mil euros por pessoa

    Mundo

    Uma viagem a bordo do Titanic em 1912 era considerada uma viagem de luxo. Mais de 100 anos depois, continua a ser um luxo visitar o Titanic. Em 2018, vai ser possível conhecer os restos daquele que em tempos foi o maior navio do mundo. Contudo, nem todos vão poder fazê-lo, pois a viagem irá custar cerca de 97 mil euros por pessoa.