sicnot

Perfil

Mundo

Israel suspende contactos com UE sobre processo de paz com palestinianos

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, ordenou hoje o fim da participação da União Europeia (UE) no processo de paz com os palestinianos, depois da aprovação de uma diretiva comunitária relativa à etiquetagem dos produtos oriundos da Palestina.

DAN BALILTY / POOL

Netanyahu, que acumula também a pasta dos Negócios Estrangeiros, deu instruções a esse ministério para "reavaliar a implicação" da UE no "diálogo político" com os palestinianos devido à diretiva comunitária que foi aprovada este mês e que cujo cumprimento é vinculativo para os 28 Estados-membros.

"O primeiro-ministro ordenou a suspensão dos contactos diplomáticos com as instituições da UE e seus representantes" sobre o processo de paz até que seja finalizado o processo de reavaliação pedido por Netanyahu, segundo um comunicado oficial citado pela agência de notícias espanhola EFE, que não detalha quais as instituições afetadas por esta decisão.

O documento assinalou que a medida "é uma consequência da [nova] etiquetagem" de produtos oriundos dos territórios ocupados por Israel em 1967 e que "é importante clarificar que Israel mantém diálogos diplomáticos com distintos países europeus, mas não com as instituições da UE" sobre esta matéria.

Lusa

  • Manifestação em Lisboa a favor de Israel
    3:06

    País

    Um palestinano foi hoje abatido em Jerusalém pelas tropas israelitas depois de ter esfaqueado um policia. São as mais recentes vítimas da nova intifada que, em apenas dois meses de conflito, já fez dezenas de mortos: 19 do lado israelita e 94 palestinianos. Uma escalada de violência que não tem fim à vista e que levou uma centena de pessoas a manifestarem-se, esta tarde, em Lisboa, a favor de Israel.

  • Mais de um milhão de crianças em risco de morrer à fome
    1:23

    Mundo

    Cerca de 1.4 milhões de crianças estão em risco iminente de morrer à fome. Deste modo, a UNICEF faz um apelo urgente de cerca de 230 milhões de euros para levar nos próximos meses comida, água e serviços médicos a estas crianças. As imagens desta reportagem podem impressionar os espectadores mais sensíveis.

  • Vídeo amador mostra destruição na Síria
    1:04

    Mundo

    A guerra na Síria continua a fazer vítimas mortais. Um vídeo amador divulgado esta segunda-feira mostra o estado de uma localidade a este de Damasco, depois de um ataque aéreo no fim-de-semana. No ataque, 16 pessoas morreram e há várias dezenas de feridos.

  • Partidos querem eleições a 1 de outubro
    1:35
  • Identificadas 10 mil vítimas de violência em 2016
    1:32
  • Homem que esfaqueou mulher em Esmoriz é acusado de homicídio qualificado
    1:24

    País

    O homem que no sábado esfaqueou a mulher em Esmoriz está acusado de homicídio qualificado. O arguido de 50 anos foi ouvido esta segunda-feira pelo juiz de instrução e ficou em prisão preventiva, uma medida fundamentada pelo perigo de fuga e de alarme. O homem remeteu-se ao silêncio durante o interrogatório, no Tribunal de Aveiro.

  • Homem condenado a oito anos e meio por abuso sexual da mãe
    1:10

    País

    O Tribunal de Coimbra condenou esta segunda-feira um homem de 53 anos a oito anos e meio de prisão por abuso sexual da mãe e ainda por crimes de roubo e coação. A mãe, de 70 anos, sofria de problemas nervosos e consumia bebidas alcoólicas com frequência, tendo sido vítima de abuso sexual por parte do filho enquanto dormia. Os crimes cometidos remetem para o início de 2016, depois do homem já ter cumprido outras penas de prisão em Espanha.

  • Jovem de 21 anos morre colhida por comboio na linha da Beira Baixa
    0:43

    País

    Uma jovem de 21 anos morreu esta segunda-feira ao ser atropelada pelo comboio Intercidades à saída da estação de Castelo Branco, na linha da Beira Baixa. A vítima foi colhida pelo comboio que seguia no sentido Lisboa-Covilhã ao atravessar a linha de caminho de ferro. Este é um local onde não existe passagem de nível, mas habitualmente muitas pessoas arriscam fazer a travessia da linha.

  • Banco do Metro com pénis gera polémica no México

    Mundo

    Um banco em formato de homem com o pénis exposto, numa das carruagens de Metro da Cidade do México, está a gerar polémica. A iniciativa integra uma campanha contra o assédio sexual de que as mulheres são vítima no país.