sicnot

Perfil

Mundo

Arábia Saudita organiza reunião com grupos da oposição síria

A Arábia Saudita marcou para este mês uma reunião entre os principais grupos da oposição política e militar sírios, com o objetivo de os unificar, declarou hoje um dirigente opositor à agência de notícias Efe.

AP

Ahmed Kamel - membro da Coligação Nacional Síria (CNFROS), a mais importante aliança política da oposição -- disse à EFE que as autoridades da Arábia Saudita enviaram convites a diversas organizações da oposição, tanto dentro como fora da Síria.

"Foram recebidos 20 convites para integrantes da CNFROS, enquanto as fações armadas terão 15 representantes na conferência", sublinhou.

O assessor do Presidente da CNFROS, Jaled Joya, revelou que este responsável também participará na reunião na capital saudita.

"O Governo saudita convidou, além destes, o Conselho de Coordenação Nacional (um dos grupos políticos da oposição moderada dentro da Síria) e duas dezenas de personalidades opositoras independentes", sublinhou.

Kamel referiu que o objetivo do encontro será "reunir as posturas da oposição política que está fora e dentro da Síria, assim como as forças militares (da oposição) que operam no terreno e no estrangeiro".

Afirmou ainda que a conferência de Riad é o resultado dos esforços que, já há um ano, a Arábia Saudita tem feito para unir os opositores sírios.

Em sua opinião, "a reunião poderia beneficiar o processo aberto em Viena para encontrar uma solução política do conflito com base no Comunicado de Genebra".

Kamel referia-se às conferências celebradas em novembro em Viena, em que estiveram presentes os principais países implicados no conflito sírio.

Síria há mais de quatro anos é cenário de uma guerra que já tirou a vida a mais de 250.000 pessoas, segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos

  • "Se me pergunta se estou de consciência tranquila, estou"
    2:13

    País

    O ministro Vieira da Silva assegura que aguarda com tranquilidade que a investigação em curso esclareça as alegadas irregularidades na associação Raríssimas. Alguns mecenas estão já a suspender o apoio, na sequência do escândalo que já levou a duas demissões. 

  • Novo regime dos recibos verdes "acaba com as injustiças dos escalões"
    1:10
  • Brinquedos tecnológicos para oferecer no Natal
    5:33
  • Aniversário de Marcelo passado nas comemorações dos 700 anos da Marinha
    1:45

    País

    O Presidente da República defende que é preciso continuar a investir na Armada, nas pessoas, nas capacidades e no apoio de retaguarda. No dia em que fez 69 anos, Marcelo Rebelo de Sousa esteve nas comemorações dos 700 da Marinha, onde sublinhou os sete séculos de conquistas e de combates navais.

  • Costa anuncia reunião sobre neutralidade carbónica em fevereiro
    2:03

    País

    O Presidente francês defende que é preciso ir mais longe e mais rápido na luta contra as alteração climáticas, numa resposta à decisão de Donald Trump de retirar os EUA do Acordo de Paris. Em fevereiro, será a vez de Portugal organizar uma reunião sobre energia e transportes.