sicnot

Perfil

Mundo

Ex-mulher de líder do Daesh na troca de prisioneiros entre Líbano e Frente al-Nusra

O Líbano e a Frente al-Nusra trocaram hoje prisioneiros na cidade fronteiiriça de Arsal, num acordo mediado pelo Qatar. Entre eles, estará a ex-mulher do líder do Estado Islâmico, Abu Bakr al-Baghdadi.

Reuters

Depois de muitos meses de negociação, a Frente al-Nusra, ala síria da Al-Qaeda, libertou 16 polícias e soldados libaneses que tinham sido raptados no ano passado. Em troca, o exército libanês libertou 13 prisioneiros islamitas, entre eles Saja Dulaimi, ex-mulher do líder do Estado Islâmico do Iraque e do Levante.

Dulaimi tinha sido detidao ano passado, no norte do Líbano, sob acusações de pertencer a um grupo terrorista.

"Sou a ex-mulher de Abu Bakr al Baghdadi. Estamos divorciados há mais de seis anos. Vou para Beirute e tenho planos de viajar para a Turquia", contou à Al Jazeera, que estava no local.

Entre os libertados pela Frente al-Nusra estava o corpo de um soldado, Mohammed Hamieh, morto pelos islamitas.

O acordo de troca de prisioneiros esteve à beira do fracasso, quando a al-Nusra exigiu à ultima hora a inclusão do processo de Mustapha Hujeiri, que desempenhara um papel chave na mediação com o grupo, e que foi condenado a prisão perpétua pelos tribunais do Líbano.

  • Brinquedos tecnológicos para oferecer no Natal
    5:33
  • Aniversário de Marcelo passado nas comemorações dos 700 anos da Marinha
    1:45

    País

    O Presidente da República defende que é preciso continuar a investir na Armada, nas pessoas, nas capacidades e no apoio de retaguarda. No dia em que fez 69 anos, Marcelo Rebelo de Sousa esteve nas comemorações dos 700 da Marinha, onde sublinhou os sete séculos de conquistas e de combates navais.

  • Rui Rio comprometeu-se a realizar apenas dois debates
    0:45

    País

    Rui Rio disse esta terça-feira que foi apanhado de surpresa com a mudança de posição de Pedro Santana Lopes, que exige três debates entre os dois candidatos à liderança do PSD nos canais generalistas. Rui Rio reiterou ainda que se comprometeu a fazer apenas dois debates.

  • Costa anuncia reunião sobre neutralidade carbónica em fevereiro
    2:03

    País

    O Presidente francês defende que é preciso ir mais longe e mais rápido na luta contra as alteração climáticas, numa resposta à decisão de Donald Trump de retirar os EUA do Acordo de Paris. Em fevereiro, será a vez de Portugal organizar uma reunião sobre energia e transportes.