sicnot

Perfil

Mundo

Apresentador de TV russo revela em direto ser portador do vírus da sida

Um conhecido apresentador de televisão russo anunciou em direto que é portador do vírus da sida, uma revelação sem precedentes num país com uma das mais altas taxas de infeção, mas em que a doença se mantém assunto tabu.

AP

Pavel Lobkov, apresentador da estação de televisão independente Dozhd e antigo formador na estação estatal, fez o anúncio durante um programa na terça-feira à noite, dia 01 de dezembro, data que se assinala o Dia Mundial da Sida.

Trata-se da primeira figura pública russa a declarar-se portador do VIH (Vírus da Imunodeficiência Humana).

A Rússia tem uma das maiores taxas de infeção por VIH no mundo, com cerca de 1.000 novos casos diagnosticados por mês e um total de quase um milhão de pessoas que sabe estar infetada, mas os especialistas admitem que os números podem ser muito superiores.

Lobkov, de 48 anos, afirmou saber da sua condição de saúde há cerca de uma década, depois de ter pedido para fazer o teste numa clínica privada, em 2003.

Descrevendo a forma brutal como foi informado do diagnóstico, Lobkov disse que viu escrito a vermelho no seu processo "VIH+" e que o médico o informou de que não poderia continuar a receber tratamentos na clínica com uma breve justificação: "você é VIH positivo".

"Hoje dei um passo muito importante na minha vida. Iniciei a minha própria 'perestroika', como Mikhail Gorbachev nos disse", avançou, após o anúncio, revelando que na altura do diagnóstico pensou em suicidar-se.

Lobkov recebeu várias mensagens de apoio de muitos russos, entre os quais o advogado de direitos humanos Pavel Chikov, que escreveu na rede social Twitter que a revelação do apresentador foi "um passo com um enorme significado para todos com o mesmo status".

A Organização Mundial da Saúde avançou no mês passado que a Rússia foi responsável por 60 por cento de todos os diagnósticos de VIH na Europa em 2014, com os heterossexuais apontados como o maiores focos de transmissão do vírus, transmitido através do contacto com fluidos corporais contaminados.

A 17 de novembro, o ator norte-americano Charlie Sheen anunciou, no programa de televisão Today, da cadeia de televisão NBC, ser portador do vírus da sida.

O ator, de 50 anos, teve problemas relacionados com o consumo de álcool e drogas nos últimos anos e reconheceu ter mantido relações sexuais com prostitutas.

Charlie Sheen foi o protagonista de uma série de escândalos em 2011 que provocaram a suspensão das filmagens da série "Two and Half Men", tendo sido despedido pouco tempo depois.

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.