sicnot

Perfil

Mundo

Mais de três horas de televisão por dia provoca danos cerebrais

Os jovens que vêem televisão mais de três horas por dia têm maior probabilidade de desenvolver problemas de cognição mais tarde ao longo da vida, revela um estudo que seguiu 3 mil pessoas durante 25 anos.

© Neil Hall / Reuters

Um total de 3247 adultos, com idades entre os 18 e os 30 anos no início da experiência, foram seguidos durante 25 anos para o estudo publicado esta quarta-feira na revista de psiquiatria Journal of the American Medical Association (JAMA) Psychiatry.

Durante esse intervalo de tempo, os investigadores avaliaram o desempenho cognitivo utilizando três testes que avaliavam a rapidez dos reflexos, a execução de tarefas e a memória verbal.

"Os participantes com hábitos de vida menos ativos, quer dizer, com pouca atividade física e muita televisão, eram os que tinham piores resultados nos testes cognitivos", afirma o relatório do estudo. Por outro lado, a memória verbal não parecia ficar afetada pela "overdose" de televisão.

A investigação foi liderada por Tina Hoang da Northern California Institute for Research and Education at the Veterans Affairs Medical Center, em São Francisco, e por Kristine Yaffe da Universidade da Califórnia, também em São Francisco.

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.