sicnot

Perfil

Mundo

Meios de comunicação gregos param 24 horas em véspera de greve geral

Os meios de comunicação gregos avançam hoje com uma greve de 24 horas, na véspera da greve geral convocada pelos sindicatos do país, em protesto contra os cortes previstos no terceiro resgate acordado entre o Governo e os credores.

Reuters

De modo a poderem noticiar a greve e os protestos organizados para o dia 03, a Federação Pan-helénica de Jornalistas optou por convocar para hoje a sua greve.

Durante todo o dia e até às 06:00 de quinta-feira (04:00 em Lisboa) não deverá haver noticiários nas televisões e rádios, nem deverá ser atualizada a informação nos jornais digitais, e a imprensa escrita não será publicada na quinta-feira.

Com esta ação, os trabalhadores dos meios de comunicação juntam-se aos protestos convocados pelas principais confederações sindicais, a Adedy, do setor público, e a Gsee, do privado, contra as políticas de austeridade e, em particular, contra a reforma do sistema de pensões que contempla cortes nos benefícios e aumentos das contribuições.

A nível setorial, pede-se que a caixa de pensões dos jornalistas continue a ser independente e não seja incluída numa caixa unificada, que seja mantida a taxa de 20% imposta à publicidade nos meios de comunicação e esta se aplique também aos meios digitais.

  • Sete dos 23 arguidos do caso da Academia de Alcochete já têm cadastro
    1:59

    Crise no Sporting

    Sete dos 23 arguidos do caso da Academia de Alcochete já foram condenados por 22 crimes que cometeram no passado, mas nunca nenhum deles cumpriu pena de prisão ou prisão domiciliária. O juiz decretou a prisão preventiva na sequência das agressões à equipa do Sporting por entender que se tratou de um comportamento chocante, terrorista e a perversão do espírito desportivo.

  • Está a pensar ir à praia? Não se esqueça do guarda-chuva
    0:43
  • Abate de animais nos canis proibido a partir de setembro
    1:35

    País

    O abate de animais nos canis passa a ser proibido a partir de setembro. Só em 2017, foram mortos cerca de 12 mil cães e gatos, uma média de um abate por hora. O Governo lançou um programa de incentivos financeiros de um milhão de euros, que ainda está a decorrer.

  • Cabazes solidários oferecidos pelo Governo encontrados no lixo
    0:57
  • Colheita da cereja já arrancou no Fundão
    1:54

    País

    A colheita das primeiras cerejas da época já começou no Fundão. A campanha atrasou um mês em relação a anos anteriores, por causa do inverno que se prolongou, mas os produtores garantem que o fruto é de qualidade.