sicnot

Perfil

Mundo

Deputados brasileiros elegem órgão que decidirá pedido de impugnação de Rousseff

A Câmara dos Deputados do Brasil escolhe hoje os 65 membros da comissão especial que vai decidir se o parlamento acolhe ou não o pedido de impugnação da Presidente Dilma Rousseff.

© Pilar Olivares / Reuters

A comissão é oficializada terça-feira e, no mesmo dia, é escolhido o relator e o presidente do órgão.

Dilma Rousseff tem até dez sessões da comissão para apresentar a sua defesa e aquele órgão mais cinco sessões para emitir um parecer sobre a aceitação do pedido de destituição ou o seu arquivamento.

O plenário da Câmara vota esse texto até 48 horas após a sua divulgação.

O processo de impugnação do mandato de Dilma Rousseff foi desencadeado no passado dia 02, quando o presidente da Câmara dos Deputados do Brasil, Eduardo Cunha, anunciou ter aceitado o pedido protocolado na Casa Legislativa em 14 de outubro por juristas.

O pedido de 'impeachment' sustenta que o Governo cometeu irregularidades fiscais no atual mandato, iniciado em janeiro deste ano, ao contrário de solicitações anteriores, que não foram acolhidas por levarem em conta somente questões relacionadas com a Presidência terminada em 2014.

Um dos coautores da ação que pede a impugnação de Rousseff, Helio Bicudo, é um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores (PT, de centro-esquerda), mas deixou o partido em 2005.

O pedido também foi apoiado pelo principal partido de oposição, o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB).

Lusa

  • Estamos quase na hora de verão

    País

    Esta madrugada muda a hora. Quando for 1h00, os relógios adiantam para as 2h00. Será uma noite com menos tempo de sono, mas os dias vão ficar mais longos com o chamado horário de verão.

  • Divorciados vão poder dividir filhos no IRS 

    Economia

    Os divorciados vão passar a poder dividir os filhos no IRS (imposto sobre o rendimento singular) e o Governo está a estudar soluções para que em 2018 haja um novo sistema para lidar com a guarda conjunta de filhos.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.