sicnot

Perfil

Mundo

Homem que esfaqueou passageiros no metro de Londres acusado de tentativa de assassínio

O homem que esfaqueou, no sábado, duas pessoas numa estação de metro de Londres foi acusado de tentativa de assassínio, informou hoje a polícia metropolitana, que investiga o caso como um ato terrorista.

© Neil Hall / Reuters

Muhaydin Mire, de 29 anos, vai ser hoje presente a tribunal, depois de as forças de ordem terem avançado com a acusação devido ao incidente, que ocorreu na estação de Leytonstone, no leste da capital britânica.

Mire, que feriu gravemente um homem de 56 anos e causou ferimentos leves a outro, gritou "isto é pela Síria" depois do ataque, segundo testemunhas.

Inicialmente, foi noticiado que havia um terceiro ferido mas essa mulher foi alvo de ameaças e não sofreu danos físicos.

No domingo, a polícia londrina renovou o pedido de informação aos testemunhos do ataque para esclarecer as circunstâncias do esfaqueamento.

O comandante da unidade antiterrorista da Polícia Metropolitana de Londres (MET), Richard Walton, pediu a quem conseguiu filmar o ataque, e cujos vídeos estão a circular na Internet, para que se "ponha em contacto" com as autoridades.

Lusa

  • Está uma baleia no Cais do Sodré, em Lisboa

    País

    A capitania do Porto de Lisboa confirma a notícia. O cetáceo, um cachalote pigmeu com cerca de dois metros, está morto. Encontra-se encalhado junto à marge norte do Rio Tejo. A situação está a ser acompanhada pelas autoridades.

    Última Hora

  • Rúben Lima nega crimes de corrupção no processo Cashball
    6:04

    Desporto

    Rúben Lima, um dos oito jogadores suspeitos de terem sido aliciados por intermediários ao serviço do Sporting para beneficiar o clube de Alvalade, nega todos os crimes investigados pela Polícia Judiciária. Numa entrevista exclusiva à SIC, o jogador do Moreirense garante que não conhece nenhum dos quatro arguidos detidos no âmbito do processo Cashball.

    Exclusivo SIC

  • Partido Podemos com votação inédita em Espanha
    1:32

    Mundo

    Há uma votação inédita em Espanha. O Podemos começou esta terça-feira a decidir a continuidade do líder do partido, depois de Pablo Iglesias e a companheira terem comprado uma casa de 600 mil euros.

  • 14 sacerdotes suspensos por abusos sexuais no Chile

    Mundo

    A diocese da cidade chilena de Rancagua anunciou na terça-feira a suspensão de 14 sacerdotes implicados num novo escândalo de abusos sexuais sobre jovens e menores. Todos eles pertenciam a um grupo de se autointitulou de "La Familia", segundo a investigação jornalística.