sicnot

Perfil

Mundo

Lula compara Brasil a comboio "descarrilado" após pedido de impugnação de Dilma

O antigo chefe de Estado brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva comparou hoje o país a um comboio "descarrilado" após a decisão do Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, em acolher um pedido de impugnação de Dilma Rousseff.

© Ricardo Moraes / Reuters

"É como se estivéssemos andando em um trem [comboio] descarrilado. Então, não é hora de brigar para saber quem vai em qual vagão. É hora de colocar o trem de volta nos trilhos", afirmou Lula da Silva, que falava num encontro com representantes de partidos políticos, movimentos sociais e sindicatos contrários à destituição da Presidente.

Lula da Silva afirmou ainda que participará em manifestações a favor da sua afilhada política.

"Estou à disposição para todos os atos, para todas as viagens necessárias para lutar contra um golpe à nossa democracia", disse, citado pelo Instituto Lula.

O ex-Presidente afirmou ainda que é importante que o Partido dos Trabalhadores (PT) e os aliados acompanhem os possíveis votos dos deputados sobre a impugnação.

Lula da Silva incentivou os movimentos sociais e sindicatos a se unirem em defesa de Dilma Rousseff, apesar das divergências, para impedir o que chamou de "golpe de Estado".

Lusa

  • Junta de Santa Maria Maior no centro de Lisboa contra despejos de idosos
    3:02
  • "Não há nenhuma meta com Bruxelas", garante Centeno no Parlamento
    0:57

    Economia

    O ministro das Finanças afirma que o Programa de Estabilidade é debatido em Lisboa e não em Bruxelas.Esta manhã, no Parlamento, Mário Centeno assegurou ainda que as metas são as mesmas com que se comprometeu no programa do Governo e garante que não há nenhuma meta acordada com Bruxelas.