sicnot

Perfil

Mundo

ONU alerta que extremistas podem fabricar "bomba suja" com matérias radioativas

O diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA), Yukiya Amano, pediu hoje a todos os países que impeçam os extremistas de aceder a matérias radioativas com as quais possam fabricar uma "bomba suja".

Diretor geral da Agência Internacional de Energia Atómica, Yukiya Amano (Reuters)

Diretor geral da Agência Internacional de Energia Atómica, Yukiya Amano (Reuters)

© Heinz-Peter Bader / Reuters

"A segurança nuclear é uma questão grave (que existe) há longa data. É uma ameaça real em todos os países onde as substâncias nucleares estão ao alcance dos terroristas", declarou Amano, durante uma visita às Filipinas onde participa numa conferência sobre energia atómica.

"Se as matérias nucleares caírem nas mãos dos terroristas, podem ser usadas numa bomba suja", cujo fabrico é muito mais simples do que uma bomba atómica, disse.

A AIEA, organização autónoma no âmbito das Nações Unidas, pode ajudar os diferentes governos a combater esta ameaça, explicou aos jornalistas.

Yukiya Amano acrescentou que a organização pode treinar a polícia de fronteira e alfandegária a detetar o tipo de materiais em causa ou fornecer aos governos aparelhos de deteção e outros equipamentos.

Lusa

  • Zeca Afonso morreu há 30 anos
    1:11
  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira