sicnot

Perfil

Mundo

Atentado com carro-bomba à embaixada de Espanha na capital do Afeganistão

Um atentado com um carro-bomba seguido de um tiroteio ocorreu hoje no recinto da embaixada de Espanha em Cabul, indicaram responsáveis afegãos e espanhóis.

Reuters

Reuters

© Omar Sobhani / Reuters

Segundo a agência France Presse, ainda não foi possível obter um balanço de vítimas.

"A embaixada foi atacada. Estamos a recolher informações", declarou à AFP um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros em Madrid. A informação foi confirmada pela polícia da capital afegã.

O ataque surge numa altura em que os talibãs têm multiplicado os atentados contra alvos governamentais e estrangeiros.

Segundo meios de comunicação locais, o alvo do ataque teria sido um hotel frequentado por estrangeiros que se situa perto da embaixada de Espanha, na zona de Sherpur.

Na área de Sherpur estão situadas várias organizações não-governamentais estrangeiras e as residências de altos funcionários do governo, assim como do antigo "senhor da guerra" Abdul Rashid Dostum, primeiro vice-presidente do Afeganistão.

Lusa

  • Casa Branca isolada devido a pacote suspeito

    Mundo

    A Casa Branca foi esta terça-feira isolada devido à presença de um pacote suspeito junto a uma das vedações que limitam o edifício governamental norte-americano. A situação já foi normalizada e o objeto retirado do local.

  • Inspetores do SEF cansados das promessas do Governo
    1:00

    País

    O sindicato do SEF garante que a segurança contra o terrorismo vai ser assegurada na greve de quinta-feira e sexta-feira nos aeroportos. Acácio Pereira, do sindicato, diz que os inspetores são quase escravos e que estão fartos das promessas do Governo. A greve deverá afetar cerca de 30 mil pessoas. 

  • Graça Fonseca, a primeira governante a assumir-se homossexual
    1:02

    País

    A secretária de Estado da Modernização Administrativa deu uma entrevista ao Diário de Notícias onde assume a sua homossexualidade. É a primeira vez que um governante português o faz. Graça Fonseca assume esta posição pública como uma "afirmação política".