sicnot

Perfil

Mundo

FBI fala em evolução da propaganda no terrorismo

FBI fala em evolução da propaganda no terrorismo

Os Estados Unidos continuam empenhados na luta contra o Daesh e, esta quarta-feira, o secretário de Estado da Defesa esteve em Bagdade, no Iraque, para discutir o reforço de meios. Entretanto, o diretor do FBI James Comey veio dizer que o Daesh revolucionou o terrorismo, com o uso das redes sociais e de comunicações encriptadas.

  • Ataque na Califórnia terá sido executado por apoiantes do Daesh
    2:57

    Mundo

    O FBI está a conduzir a investigação ao ataque de quarta-feira, na Califórnia, como um ato de terrorismo. O anúncio foi feito esta sexta-feira, depois de uma agência de notícias que apoia o Daesh ter dito que seguidores do grupo do auto-intitulado Estado Islâmico executaram o ataque. Durante o dia, as autoridades americanas tinham revelado ligações ao Daesh de pelo menos um dos autores do tiroteio em San Bernardino.

  • Daesh reivindica atentado nos EUA
    1:27

    Mundo

    O Daesh acaba de reivindicar o ataque desta semana que provocou a morte de 14 pessoas em San Bernardino, na Califórnia. A declaração foi feita por elementos do estado islâmico a uma rádio online e acontece 3 dias depois do caso que já estava a ser investigado pelo FBI como um ato de terrorismo.

  • Frio no fim de semana, regiões do interior podem chegar aos -5 °C
    1:23

    País

    A Proteção Civil emitiu um alerta para o tempo frio e seco e pede cuidados redobrados. As temperaturas já começaram a descer, com regiões a registarem valores negativos. No interior, podem chegar aos 5 graus negativos. Até ao Natal o tempo vai manter-se frio, seco e com ausência de chuva.

  • Bombeiro ferido nos fogos de Pedrógão Grande regressou a casa
    2:33

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Seis meses depois dos incêndios de Pedrógão Grande, regressou a casa o último dos bombeiros de Castanheira de Pera que estava internado desde junho. Rui Rosinha esteve em coma mais de dois meses e tem ainda pela frente uma longa recuperação. O bombeiro não quer que o país esqueça o que aconteceu e espera que as duas tragédias deste ano (fogos de junho e outubro) sirvam de lição para o futuro.

  • Pedrógão Grande, seis meses depois - documentário Expresso
    0:29
  • Fitch retira Portugal do "lixo"
    2:20
  • PS volta a subir nas intenções de voto e não baixa dos 40%
    2:01
  • Marcelo evita "ideia de que o ano foi todo muito bom"
    3:14

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa disse esta sexta-feira que 2017 teve "o melhor e o pior" e que "é preciso evitar a "ideia que o ano foi todo muito bom". O Presidente da República fez estas declarações depois de António Costa ter dito que a nível económico este "foi um ano particularmente saboroso".