sicnot

Perfil

Mundo

Polícia espanhola detém jovem que agrediu Mariano Rajoy

A polícia nacional espanhola deteve o jovem que esta tarde agrediu o primeiro-ministro e candidato do Partido Popular (PP, no poder), Mariano Rajoy, no decurso de um passeio em Pontevedra.

© Miguel Vidal / Reuters

O rapaz foi imobilizado pelos serviços de segurança que acompanhavam o líder do PP durante o passeio, apesar de ter ainda golpeado um dos seus elementos. De seguida, foi entregue à polícia e detido.

Durante o passeio, e quando a comitiva percorria as imediações da igreja La Peregrina, o jovem aproximou-se de Rajoy com o pretexto de tirar uma 'selfie' com ele, e atingiu-o com um golpe na cara, fazendo cair os seus óculos.

A ministra do Desenvolvimento, Ana Pastor, interveio no incidente e de seguida convidou a comitiva a prosseguir com o passeio, que Rajoy completou mas sem óculos.

Na sua conta na rede social Twitter escreveu no entanto: "Não tenho palavras para exprimir a minha indignação pela agressão de que fui vítima esta tarde pelas ruas de Pontevedra".

À saída da cidade galega, o líder do PP foi aplaudido por populares, e também contemplado com gritos de "presidente", numa referência às suas funções de primeiro-ministro cessante, antes de se dirigir para a Corunha, onde vai participar num comício.

No próximo domingo decorrem eleições legislativas em Espanha com o PP a liderar as últimas sondagens, mas longe da maioria absoluta.

Lusa

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.