sicnot

Perfil

Mundo

Putin diz que Blatter merece Nobel da Paz

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse hoje que o presidente demissionário da FIFA, Joseph Blatter, suspenso provisoriamente por 90 dias, merecia ser distinguido com o prémio Nobel da Paz.

YURI KOCHETKOV

"[Blatter] É alguém que merece o prémio Nobel da Paz. O seu contributo para o apoio humanitário global é colossal. Fez um trabalho considerável para o futebol mundial", disse Putin, na sua habitual conferência de imprensa de final de ano.

Blatter está a ser ouvido hoje, em Zurique, pelo Comité de Ética da FIFA, por implicação no escândalo de corrupção que atingiu a instituição.

A FIFA foi abalada por um escândalo de corrupção em maio, a dois dias da reeleição de Blatter como presidente do organismo máximo do futebol mundial, num processo aberto pela justiça dos Estados Unidos e que levou à acusação de 14 dirigentes e ex-dirigentes.

No início de junho, Blatter apresentou a demissão, abrindo o caminho para novas eleições, que foram marcadas para 26 de fevereiro de 2016.

A 25 de setembro, o Ministério Público suíço instaurou um processo criminal a Blatter, que foi interrogado na qualidade de arguido, por suspeita de gestão danosa, apropriação indevida de fundos e abuso de confiança.

A 8 de outubro, Blatter, o secretário-geral da FIFA, o francês Jérôme Valcke, e Michel Platini, presidente da UEFA, foram suspensos provisoriamente por 90 dias pelo Comité de Ética da FIFA.

Na base das suspensões estão os inquéritos que decorrem no próprio órgão da FIFA, ainda que vários outros responsáveis do organismo mundial estejam também a ser investigados pelas autoridades suíças e norte-americanas.

Lusa

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.