sicnot

Perfil

Mundo

Incêndio no Museu da Língua Portuguesa em São Paulo provoca morte de um bombeiro

O incêndio de grandes proporções que está a consumir o Museu da Língua Portuguesa em São Paulo, Brasil, já provocou a morte de um bombeiro e fez ruir parte do telhado do edíficio, indicaram fontes policiais.

O bombeiro voluntário trabalhava no edifício do museu e tentou intervir logo que foi declarado o fogo, cerca das 16:30 (18:30 em Lisboa) sofrendo queimaduras, tendo acabado por morrer já depois de hospitalizado, indicaram os bombeiros da cidade brasileira.

Apesar de chover em São Paulo, as chamas alastraram com rapidez, uma vez que a estrutura do edifício histórico que alberga o museu é parcialmente em madeira, tendo sido ainda registadas três explosões antes de parte do telhado ruir.

De acordo com a polícia 37 viaturas e 97 efetivos dos bombeiros estão a combater as chamas, que já ardem nos três andares do edifício.

O Museu da Língua Portuguesa foi inaugurado em 2006 no edifício Estação da Luz, uma construção histórica datada de 1901 e que já foi atingida por outro incêndio, em 1946.

Desde que abriu ao público, o Museu da Língua Portuguesa já recebeu mais de três milhões de visitantes.

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Detida no Brasil portuguesa acusada de várias burlas nos últimos 20 anos
    3:04

    Mundo

    A Polícia do Rio de Janeiro deteve uma portuguesa acusada de várias burlas nos últimos 20 anos. Ana Resende fazia-se passar por funcionária do consulado e prometia vistos e outros documentos para tirar dinheiro das vítimas. Esta é a terceira vez que a polícia brasileira detém a portuguesa por acusações de burla.