sicnot

Perfil

Mundo

Polícia israelita matou palestiniano que tentou matar oficial no centro de Jerusalém

A polícia israelita matou a tiro um palestiniano que tentou esfaquear esta manhã um oficial no centro histórico de Jerusalém.

© Ammar Awad / Reuters

Nos últimos três meses, as forças de segurança israelitas mataram 137 palestinianos, mais de sete dezenas, segundo as autoridades, são descritos como assaltantes. Durante o mesmo período, os palestinianos mataram 21 pessoas, entre israelistas e cidadãos estrangeiros.

Esta onda de violência começou em outubro passado. Os palestinianos dizem que a geração mais nova não quer viver sob as restrições militares de Israel e numa economia estrangulada, e que isso explica, em parte, os sucessivos ataques.

  • Desde 2005 morreram 72 bombeiros mas ninguém sabe quantos ficaram feridos
    2:02

    Reportagem Especial

    "Vidas de Fogo" é a Reportagem Especial desta noite, sobre os bombeiros feridos em combate a incêndios florestais. Este ano, durante o período mais crítico dos fogos, vão estar no terreno quase 10.000 operacionais. Grande parte são bombeiros voluntários. Vamos contar cinco casos de bombeiros feridos em combate e tentar saber como se recupera de um acidente, como se vive depois de queimado e como se lida com a morte de colegas durante um fogo.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.