sicnot

Perfil

Mundo

Ataque no Paquistão fez pelo menos 21 mortos e 63 feridos

Pelo menos 21 pessoas morreram e 63 ficaram feridas no atentado cometido esta terça-feira contra uma dependência da administração pública em Mardan, no noroeste do Paquistão, segundo fontes policiais e médicas citadas por agências internacionais.

O ataque foi perpetrado por um bombista suicida que conduziu a motorizada carregada de explosivos contra as instalações da Autoridade Nacional de Bases de Dados e Registo.

O ataque foi perpetrado por um bombista suicida que conduziu a motorizada carregada de explosivos contra as instalações da Autoridade Nacional de Bases de Dados e Registo.

© Khuram Parvez / Reuters

O ataque foi perpetrado por um bombista suicida que conduziu a motorizada carregada de explosivos contra as instalações da Autoridade Nacional de Bases de Dados e Registo, responsável pela emissão dos cartões de identificação, precisou um porta-voz da polícia local, Faisal Shahzad.

Segundo um porta-voz da polícia provincial, Fazal Khan, "um grande número de pessoas estava no local no momento da explosão".

O ataque foi reivindicado pelos talibãs do Paquistão, Tehreek-e-Taliban, numa mensagem de correio eletrónico enviada para a agência France Presse.

O Paquistão enfrenta há uma década uma insurgência de grupos radicais, sobretudo nas zonas ocidentais do país, junto à fronteira com o Afeganistão.

Mais de 27.000 civis e militares foram mortos em atentados, mas em 2015 o número de vítimas foi o mais baixo da década, o que é atribuído a uma série de operações militares contra os talibãs e grupos aliados.

Lusa

  • As primeiras reações à morte de Chester Bennington

    Cultura

    Chester Bennington, vocalista da banda de metal alternativo Linkin Park, morreu esta quinta-feira em casa em Palos Verdes Estates, no estado da Califórnia, nos EUA. Várias celebridades já reagiram à morte do músico de 41 anos. Segundo o TMZ, o cantor da banda norte-americana suicidou-se.

  • O perfil do novo herói do surf português
    3:43
  • O. J. Simpson vai sair em liberdade condicional

    Mundo

    A antiga estrela de futebol americano O. J. Simpson vai sair em liberdade condicional, depois de ter cumprido nove anos de prisão num estabelecimento prisional do estado do Nevada, nos Estados Unidos.

  • Filho do leão Cecil também foi abatido por um caçador

    Mundo

    Xanda pode ter tido o mesmo fim que o seu pai, o leão Cecil, que em 2015 foi abatido por um caçador, no Zimbabué. Na altura, a morte de Cecil tomou proporções inéditas, chegando uma imagem do leão a ser projetada na fachada do Empire State Building. Agora, Xanda terá sido abatido a tiro por um caçador de troféus.