sicnot

Perfil

Mundo

Avistados mais de 60 tubarões em 48 horas na costa leste da Austrália

Mais de 60 tubarões foram avistados desde terça-feira nas populares praias da costa leste da Austrália que, este ano, foi palco de um total de 14 ataques, um dos quais mortais, informam esta quinta-feira os media locais.

As autoridades interditaram os banhos nas praias turísticas de Jarvis Bay, a 197 quilómetros a sul de Sydney, após ter sido detetada a presença, em águas pouco profundas, de 30 tubarões, de entre 2,5 e 3,5 metros.

As autoridades interditaram os banhos nas praias turísticas de Jarvis Bay, a 197 quilómetros a sul de Sydney, após ter sido detetada a presença, em águas pouco profundas, de 30 tubarões, de entre 2,5 e 3,5 metros.

© David Gray / Reuters

O chefe da patrulha aérea australiana, Harry Mitchell, disse que o seu serviço avistou mais de 60 tubarões entre terça e quarta-feira numa zona que se estende entre as praias de Stanwell Park e Mollimook, respetivamente, a 54 e a 225 quilómetros a sul de Sydney, escreve hoje o jornal Daily Telegraph.

As autoridades interditaram os banhos nas praias turísticas de Jarvis Bay, a 197 quilómetros a sul de Sydney, após ter sido detetada a presença, em águas pouco profundas, de 30 tubarões, de entre 2,5 e 3,5 metros, segundo a agência noticiosa local AAP.

"Os tubarões, grandes tubarões, estavam literalmente em águas de um metro" de profundidade, detalhou Harry Mitchell.

Na tarde de terça-feira, uma patrulha aérea percorreu a área que rodeia o areal de Port Kembla, a 86 quilómetros a sul de Sydney, depois de um surfista ter informado que havia avistado um tubarão, e detetou a presença de um tubarão martelo.

Também foram avistados outros cinco em Warilla, a 101 quilómetros a sul de Sydney, de acordo com o mesmo diário australiano.

Em finais de outubro foi anunciado que drones iriam vigiar as praias mais populares da Austrália como parte de uma nova estratégia para manter a segurança dos banhistas, após uma série de ataques.

A incidência de ataques com tubarões na Austrália figura como uma das mais elevadas do mundo.

Lusa

  • Primeiro-ministro hoje na cidade da Praia 

    País

    O primeiro-ministro, António Costa, está hoje em Cabo Verde para a a IV cimeira bilateral entre Portugal e aquele país africano, aproveitando a passagem pela cidade da Praia para inaugurar a escola portuguesa.

  • Deputados britânicos debatem hoje petição que desvaloriza visita de Donald Trump

    Mundo

    Os deputados britânicos debatem hoje uma petição que reclama que a futura visita de Estado do Presidente norte-americano, Donald Trump, seja reduzida a uma visita oficial, enquanto dezenas de milhares de pessoas se manifestam sobre o mesmo assunto. Dezenas de milhares de pessoas são esperadas hoje nas ruas de várias cidades do Reino Unido, em protestos organizados para coincidir com a discussão no parlamento (na Câmara dos Comuns) de uma petição 'online' que já tem quase dois milhões de subscritores.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Matteo Renzi demite-se da liderança do Partido Democrático

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro italiano Matteo Renzi demitiu-se hoje da liderança do Partido Democrata (PD), uma decisão que faz parte de uma estratégia para retomar o controlo da formação de centro-esquerda, onde uma minoria mais à esquerda ameaça cindir-se.