sicnot

Perfil

Mundo

Sistema de saúde britânico cria aplicação para medir açúcar dos alimentos

O sistema nacional de saúde britânico (Public Health England - PHE) criou uma aplicação para telemóveis que informa as quantidades de açúcar presentes nos alimentos e bebidas. Está agora em curso uma campanha para sensibilizar os pais e para utilizarem esta aplicação gratuita.

Change4Life

As autoridades de saúde britânicas estão determinadas em combater a obesidade, a diabetes tipo II e as cáries, encorajando os pais a escolherem alternativas alimentares mais saudáveis. De acordo com os dados da PHE, as crianças estão a ingerir três vezes mais o limite de açúcar.

Na Grã-Bretanha, em média as crianças entre 4 e 10 anos estão a consumir 22 kg de açúcar por ano. O equivalente a 5500 cubos de açúcar. Mais do que o peso de uma criança de 5 anos.

A nova campanha - Change4Life - disponibiliza a aplicação que lê os códigos de barras dos produtos e revela o total de açúcar presente, em cubos ou gramas.

Cada cubo tem aproximadamente 5 gramas, cada pacote de açúcar igual aos que são habitualmente consumidos em Portugal tem 7 gramas.

Em princípio, a aplicação para telemóveis funcionará apenas em Inglaterra.

  • Salah Abdeslam deixa cadeira vazia na leitura da sua sentença
    2:05

    Mundo

    O único suspeito vivo dos ataques de Paris em 2015 foi esta segunda-feira condenado a 20 anos de prisão por um tribunal belga, num processo paralelo: um tiroteio em março de 2016, em Bruxelas. Tanto Salah Abdeslam como o cúmplice não quiseram estar na leitura da sentença. O julgamento de Salah Abdeslam pelos ataques de Paris só deverá acontecer no próximo ano, em França.

  • Beyoncé e a irmã caem no Coachella e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Cientistas querem sequenciar genomas de 15 milhões de espécies

    Mundo

    Um consórcio internacional de cientistas, que por enquanto não inclui portugueses, propõe-se sequenciar, catalogar e analisar os genomas (conjuntos de informação genética) de 15 milhões de espécies, uma tarefa que levará dez anos a fazer, foi divulgado esta segunda-feira.