sicnot

Perfil

Mundo

Varoufakis vai lançar novo partido de esquerda pan-europeu

O ex-ministro das Finanças grego Yanis Varoufakis vai lançar em fevereiro, a partir de Berlim, um novo partido de esquerda pan-europeu, noticia a edição de segunda-feira do jornal Neues Deutschland.

© Neil Hall / Reuters

De acordo com o diário, Varoufakis apresentará o partido Democracy in Europe Movement 2025 (DiEM25) a 09 de fevereiro, no Volksbühne, teatro onde se representam peças vanguardistas ou provocadoras.

Segundo o jornal, o projeto político que Varufakis vai apresentar juntamente com outros correligionários define-se como uma "nova democratização da Europa" que visa deter a atual fragmentação das formações de esquerda.

Yanis Varoufakis foi titular da pasta das Finanças no primeiro Governo dirigido por Alexis Tsipras, líder do partido esquerdista Syriza, tendo sido a sua figura mais mediática e controversa.

O ex-ministro contestou as medidas de austeridade defendidas pelo grosso da União Europeia, com a Alemanha à cabeça, como condição para o resgate financeiro da Grécia.

Em julho, demitiu-se quando o Governo de Tsipras se comprometia a respeitar os termos negociados com a troika internacional de credores.

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22