sicnot

Perfil

Mundo

Polícia chinesa identifica presumível autor de incêndio que matou 14 pessoas

Polícia chinesa identifica presumível autor de incêndio que matou 14 pessoas

A polícia da região autónoma chinesa de Ningxia lançou uma operação de busca ao presumível autor do incêndio num autocarro de transporte público que causou hoje 14 mortos e 32 feridos.

O suspeito foi identificado como Ma Yongping, apesar de as autoridades locais não terem divulgado os pormenores que expõem a sua alegada responsabilidade no acidente.

A polícia estabeleceu controlos em várias ruas e autoestradas nas saídas da cidade, informou a agência oficial Xinhua.

O incêndio ocorreu pelas 07:08 de hoje (23:08 de segunda-feira em Lisboa) em Yinchuan, capital da região, quando o autocarro de transporte urbano se encontrava perto de um centro comercial, próximo de uma estação de comboios.

Os feridos foram hospitalizados e as autoridades estão ainda a investigar as causas do acidente.

Lusa

  • Lixo, para que te quero?
    23:17
  • Tuk-tuk em protesto oferecem hoje passeios gratuitos em Lisboa

    País

    A Associação Portuguesa de Empresas de Congressos, Animação Turística e Eventos (APECATE) promove hoje a iniciativa "Cá vai Lisboa", com passeios gratuitos de tuk-tuk, para alertar a população para a "problemática" regulamentação municipal deste tipo de veículos.

  • Ricardo Robles apresentado como candidato do BE a Lisboa
    1:31

    Autárquicas 2017

    Ricardo Robles foi formalmente apresentado este sábado como candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal de Lisboa. No encerramento da convenção autárquica do partido, Catarina Martins fez críticas ao Governo, dizendo que o projeto de descentralização do Executivo é perigoso e ameaça a democracia.

  • Pavilhão Carlos Lopes esteve encerrado durante 14 anos
    2:27