sicnot

Perfil

Mundo

Declarações da autarca de Colónia causam indignação nas redes sociais

Na sequência dos ataques sexuais a uma centena de mulheres na noite de passagem de ano em Colónia, as declarações da autarca da cidade estão a provocar indignação nas redes sociais.

© Wolfgang Rattay / Reuters

Henriette Reker propôs um código de conduta, para evitar situações semelhantes, e aconselhou as mulheres a manterem os desconhecidos "a um braço de distância".

Os contestatários afirmam que as declarações da presidente da câmara de Colónia passam a mensagem de que são as vítimas que devem alterar os comportamentos e não os atacantes.

Reker - que foi esfaqueada em outubro, e ficou gravemente ferida, aparentemente devido ao apoio aos refugiados - prometeu um reforço policial nas ruas de colónia, que tem o Carnaval mais famoso da Alemanha.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.