sicnot

Perfil

Mundo

Homens armados disparam contra hotel no Cairo, não há registo de vítimas

Homens armados dispararam hoje contra o hotel Três Pirâmides, no Cairo. Os atiradores circulavam de moto e o ataque ocorreu numa via que faz ligação às pirâmides de Gizé, no sudoeste da capital egípcia. De acordo com as autoridades locais, não há vítimas a registar.

O ataque ocorreu numa estrada de ligação às pirâmides, principal polo de atração turística no Egito (Arquivo)

O ataque ocorreu numa estrada de ligação às pirâmides, principal polo de atração turística no Egito (Arquivo)

© Amr Dalsh / Reuters

Os atacantes aproximaram-se do hotel e dispararam contra o edifício e veículos parados na entrada da unidade hoteleira, relataram testemunhas à agência de notícias Efe.

A área estava vazia e o ataque não provocou vítimas, apenas os vidros da porta de acesso ao hotel e de um autocarro sofreram maiores danos.

O hotel, de quatro estrelas, está situado no distrito de Gizé, próximo das pirâmides, numa zona em que o número de turistas tem vindo a diminuir devido à instabilidade política e de segurança que o país atravessa.

Até ao momento, as forças de segurança afirmam desconhecer se o ataque é obra de um grupo extremista ou se se trata de delinquência comum.

Segundo a agência Reuters, o grupo de turistas alvo do ataque incluía dois cidadãos israelitas.

Os ataques terroristas aumentaram no Egito desde um grupo militar derrubou o Presidente Mohamed Morsi, em julho de 2013, mas normalmente têm como alvo as forças de segurança.

Com Lusa

  • Sporting de Braga eliminado da Liga Europa
    2:01
  • Dissolução da União Soviética aconteceu há 25 anos

    Mundo

    Assinalaram-se esta quinta-feira 25 anos desde o fim do acordo que sustentava a União Soviética. A crise começou em 80, mas aprofundou-se nos anos 90 com a ascensão de movimentos nacionalistas em praticamente todas as repúblicas soviéticas.