sicnot

Perfil

Mundo

Estados Unidos criam célula para lutar contra radicalização extremista

A Casa Branca anunciou hoje a criação de uma célula para lutar contra o extremismo violento e a radicalização de indivíduos nos Estados Unidos, na sequência dos atentados "jihadistas" de Paris e San Bernardino (Califórnia).

© Jonathan Ernst / Reuters

O objetivo desta célula é "integrar e harmonizar" os esforços desenvolvidos neste sentido, em território norte-americano, por diferentes agências federais, afirmou Ned Price, porta-voz do Conselho de Segurança Nacional (NSC).

"Os terríveis atentados em Paris e em San Bernardino evidenciaram a necessidade, para os Estados Unidos e para os nossos parceiros na comunidade internacional e no setor privado, de recusar aos movimentos extremistas como o Estado Islâmico (EI) um terreno fértil para o recrutamento" de operacionais, disse Price.

Este anúncio surge numa altura em que vários responsáveis da Casa Branca estão reunidos em Silicon Valley (Califórnia) com os gigantes da Internet (Facebook, Google, Twitter, Youtube) para analisar como responder à utilização das redes sociais pelo EI.

Estas diferentes iniciativas refletem "o compromisso do presidente (Barack) Obama em tomar todas as medidas possíveis para responder e impedir atividades terroristas onde estiverem a ser desenvolvidas, incluindo 'online'", acrescentou o porta-voz do NSC em comunicado.

Lusa

  • Bruxelas aguarda relatório completo para analisar pesca da sardinha
    1:29
  • Madonna está outra vez em Lisboa 😲
    0:59
  • Novas regras para compra e venda de animais
    2:04

    País

    Foi aprovado o projeto de lei do PAN que regula transações de animais de companhia. O diploma proíbe, ainda, a publicidade e a venda online de animais selvagens. As multas para o incumprimento da legislação poderão ir dos 200 aos 3.740 euros.

  • Assédio proibido por lei
    1:40

    País

    Ser assediado no emprego é agora proibido por lei e passa a dar direito a indemnização. É o que prevê o diploma aprovado ontem no Parlamento, com as abstenções do PSD e do CDS.

  • Portugal com 3.ª maior dívida pública da UE

    Economia

    A dívida pública recuou, em termos homólogos, na zona euro e na União Europeia (UE), no primeiro trimestre, tendo Portugal registado a terceira maior dos 28 (130,5%), depois da Grécia e de Itália, divulga hoje o Eurostat.

  • Montenegro e o futuro do PSD: "Não vou pedir licença para avançar"
    1:41

    País

    Luís Montenegro admite que se achar que é a pessoa ideal para a liderança do PSD, não vai pedir licença a ninguém para avançar. Em entrevista à SIC Notícias, o ex-líder parlamentar do PSD diz que está ao lado de Passos Coelho mas sublinha que é importante que haja uma clarificação na liderança do partido.

    Entrevista SIC Notícias