sicnot

Perfil

Mundo

Estados Unidos criam célula para lutar contra radicalização extremista

A Casa Branca anunciou hoje a criação de uma célula para lutar contra o extremismo violento e a radicalização de indivíduos nos Estados Unidos, na sequência dos atentados "jihadistas" de Paris e San Bernardino (Califórnia).

© Jonathan Ernst / Reuters

O objetivo desta célula é "integrar e harmonizar" os esforços desenvolvidos neste sentido, em território norte-americano, por diferentes agências federais, afirmou Ned Price, porta-voz do Conselho de Segurança Nacional (NSC).

"Os terríveis atentados em Paris e em San Bernardino evidenciaram a necessidade, para os Estados Unidos e para os nossos parceiros na comunidade internacional e no setor privado, de recusar aos movimentos extremistas como o Estado Islâmico (EI) um terreno fértil para o recrutamento" de operacionais, disse Price.

Este anúncio surge numa altura em que vários responsáveis da Casa Branca estão reunidos em Silicon Valley (Califórnia) com os gigantes da Internet (Facebook, Google, Twitter, Youtube) para analisar como responder à utilização das redes sociais pelo EI.

Estas diferentes iniciativas refletem "o compromisso do presidente (Barack) Obama em tomar todas as medidas possíveis para responder e impedir atividades terroristas onde estiverem a ser desenvolvidas, incluindo 'online'", acrescentou o porta-voz do NSC em comunicado.

Lusa

  • "Já só lhes resta uma coisa: bisbilhotar comunicações privadas"
    2:57

    Caso CGD

    O primeiro-ministro diz que o PSD atingiu o grau zero da política, quando chegou à "bisbilhotice" de querer ver as mensagens trocadas entre o ministro das Finanças e António Domingues. A polémica da Caixa Geral de Depósitos voltou a marcar o debate quinzenal, com António Costa a garantir que nunca esteve em causa a entrega de declarações da administração. Já o PSD e o CDS a acusaram o Governo de violar as regras da transparência e de oprimir os direitos da oposição.

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • Técnica de defesa contra aperto de mão de Donald Trump
    1:39
  • Vídeo mostra aterragem de Harrison Ford que quase causou um desastre

    Mundo

    Harrison Ford quase provocou um grave acidente quando, ao pilotar um dos seus aviões, falhou a pista de aterragem e esteve muito perto de chocar contra um um Boeing 737, com mais de 100 pessoas a bordo. O incidente com o ator norte-americano, considerado um piloto experiente, aconteceu na passada segunda-feira, dia 13, no Condado de Orange, na Califórnia, e o momento foi captado em vídeo.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.

  • Vestidos da princesa Diana em exposição
    1:29

    Mundo

    As roupas mais emblemáticas da princesa Diana vão estar em exposição no Palácio de Kensington, em Londres, a partir de sexta-feira. O objetivo é mostrar a evolução do estilo da princesa de Gales, considerada um dos maiores ícones de moda de sempre.