sicnot

Perfil

Mundo

Felicidade diminui à medida que o calor aumenta, revela estudo

Tanto os dias muito frios como os dias muito quentes fazem as pessoas mais infelizes. Mas um estudo científico vem demonstrar que nem todas as queixas sobre as temperaturas são iguais.

Anja Niedringhaus / AP

O investigador Patrick Baylis da Universidade da Califórnia afirma que a felicidade diminui à medida que a temperatura aumenta a partir dos 21ºC ou fica abaixo dos 10ºC. Mas o declínio do bem estar é maior em dias muito quentes.

A conclusão decorreu da análise de dados recolhidos nas redes sociais, como o Twitter, em que os utilizadores se queixam das temperaturas. E as palavras usadas nos dias mais quentes são mais negativas.

O método tem uma margem de erro considerável a nível individual, mas é revelador a um nível global.

  • Enfermeiros especialistas em saúde materna retomam protesto 

    País

    Os enfermeiros especialistas em saúde materna e obstetrícia voltam quinta-feira de manhã a interromper as funções especializadas, o que pode afetar blocos de parto e maternidades. Queixam-se de "falta de resposta política adequada" e "ausência de acordos sérios".

  • Cristas vaiada em bairro de Chelas
    1:44

    Autárquicas 2017

    Assunção Cristas promete mudanças na Gebalis, a empresa municipal que gere os bairros sociais em Lisboa. Esta manhã, a candidata do CDS à câmara visitou um bairro de Chelas, onde foi vaiada por alguns populares.

  • Prestação da casa aumenta pela primeira vez desde 2014
    1:17

    Economia

    Pela primeira vez em três anos, as taxas de juro do crédito à habitação, estão a subir. A subida é de apenas 1 euro, mas é a primeira desde 2014, depois de em maio deste ano ter estabilizado e em junho ter descido. A justificação para este aumento é a evolução das taxas euribor.

  • "Em vez de ajudarem, estavam a tirar fotos dela a morrer"
    1:13
  • Criança irrequieta domina noticiário britânico
    1:19