sicnot

Perfil

Mundo

Liga Árabe reúne-se de emergência por causa da Arábia Saudita e Irão

A Liga Árabe reúne-se hoje de emergência, a pedido da Arábia Saudita, para discutir os ataques a representações diplomáticas sauditas no Irão, lançados em protesto pela execução por Riade de um influente dirigente religioso xiita.

Quartel general da Liga Árabe

Quartel general da Liga Árabe

© Asmaa Waguih / Reuters


Segundo Ahmed Ben Helli, secretário-adjunto da organização pan-árabe, a reunião "extraordinária" vai analisar a crise entre as duas potências regionais e "as ingerências iranianas nos assuntos internos árabes".

A crise entre os dois países já levou a Arábia Saudita e vários aliados a cortarem relações diplomáticas com o Irão.

Em causa está a execução do clérigo e ativista xeque Nimr al-Nimr, crítico da atuação do regime saudita em relação à minoria xiita do reino, condenado à morte por "terrorismo" e executado no sábado juntamente com outras 46 pessoas, maioritariamente condenadas por atentados cometidos pela Al-Qaida.

A execução provocou uma guerra de palavras entre Teerão e Riade e manifestações violentas das comunidades xiitas, não apenas no Irão como também no Iraque, Líbano, Bahrein, Paquistão e Cachemira indiano.

Lusa

  • Época 2016/17 fecha com festa no Jamor
    1:58

    Desporto

    Quatro anos depois da primeira final, Benfica e Vitória de Guimarães regressam ao Jamor esta tarde para jogar a Final da Taça de Portugal. O jogo marca também a estreia do videoárbitro em Portugal.

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14