sicnot

Perfil

Mundo

Polícia de Mumbai identifica 16 locais perigosos para tirar "selfies"

A polícia de Mumbai identificou 16 locais na cidade que considerou perigosos para tirar "selfies" depois de um homem ter-se afogado quando tentava salvar uma jovem que caíra no mar após tirar uma fotografia de si própria.

reuters

Segundo o subcomissário da polícia de Mumbai, Dhananjay Kulkarni, os locais incluem algumas das maiores atrações turísticas de Mumbai, como a praia Girgaum Chowpatty e o passeio público da Marina Drive, bem como o próprio local em que a jovem de 18 anos caiu ao mar na semana passada, encontrando-se ainda desaparecida.

"Após o incidente identificamos 16 locais em que tirar «selfies» pode ser perigoso, mas pode haver mais", sublinhou o responsável policial, que adiantou ter já sugerido a câmara municipal local a colocação de avisos nesse sentido nos locais já identificados.

A jovem e dois amigos caíram da encosta rochosa nas águas do Mar Arábico, próximo de Bandra Bandstand, no norte da capital financeira da Índia, quando tiravam fotografias em grupo.

Um transeunte que entretanto passava pelo local, Ramesh Walanju, 37 anos, saltou de imediato para a água e conseguiu salvar os dois amigos, mas acabou, depois, por ser arrastado pela corrente, tendo o seu corpo sido descoberto a boiar numa praia próxima.

A jovem continua desaparecida.

Em dezembro último, um cidadão paquistanês morreu em Rawalpindi, arredores a sul de Islamabade, após ter sido atropelado por um comboio quando tirava fotografias a si próprio

  • Jovens adoptados e filha do líder da IURD com versões diferentes dos acontecimentos
    4:06

    País

    Os jovens adoptados e a filha do bispo Edir Macedo, que alegadamente os adoptou, têm versões diferentes sobre o que aconteceu. Vera e Luís Katz garantem que foram adoptados por uma família norte-americana, com que viveram até aos 20 anos. Viviane Freitas, filha do líder da Igreja Universal do Reino de Deus, conta que foi mãe das crianças durante três anos, apesar de lhe ter sido negada a adopção.

  • Cabecilha da seita Verdade Celestial é "mentiroso, egocêntrico e psicótico"
    2:22

    País

    O cabecilha da seita "Verdade Celestial" foi condenado a 23 anos de pena de prisão por abusos sexuais de crianças e adolescentes. O juiz diz que o cabecilha do grupo era mentiroso patológico, egocêntrico, impulsivo e com personalidade psicótica. Dos oito acusados, duas mulheres foram absolvidas e seis arguidos foram condenados a penas efetivas. A rede de abusadores foi desmantelada há dois anos, numa quinta de Palmela.

  • Mau tempo obriga ao cancelamento de centenas de voos na Europa
    1:21
  • Antigos quadros da Facebook declaram-se preocupados com efeitos da rede social

    Mundo

    Alguns dos antigos quadros da empresa Facebook estão a começar a exprimir sérias dúvidas sobre a rede social que ajudaram a criar, foi noticiado. A Facebook explora "uma vulnerabilidade na psicologia humana" para criar dependência entre os seus utilizadores, afirmou o primeiro presidente da empresa, Sean Parker, num fórum público.